sicnot

Perfil

País

Casal de linces ibéricos libertado no Vale do Guadiana

A nova época de libertações de linces inicia-se esta sexta-feira. Dois linces ibéricos, um macho e uma fêmea, que se encontravam em cativeiro em Silves, vão passar a viver em meio natural em Mértola, no Vale do Guadiana.

Noudar e Niassa são os primeiros animais libertados este ano. Ao contrário dos progenitores, que fizeram parte do arranque do Programa de Reprodução em Cativeiro, o casal não teve contacto direto com humanos.

No Vale do Guadiana foram libertados, desde 2015, 17 animais, dos quais 12 possuem já territórios estabilizados na área do Sítio Rede Natura 2000 Guadiana. Todos são regularmente monitorizados por uma equipa no terreno.

Até março serão libertados oito linces no concelho de Mértola, todos nascidos em cativeiro

Estas ações integram o projeto “Recuperação da Distribuição Histórica do Lince Ibérico em Espanha e Portugal", co-financiado pela Comissão Europeia.

  • Há 22 linces-ibéricos na natureza em Portugal e estão todos bem
    2:14

    País

    Mesmo no período do Natal e Ano Novo, há sempre alguém do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas de serviço para assegurar a monitorização dos linces libertados em Mértola, desde 2014. Ao todo, vivem no meio natural 22 animais, incluindo 5 crias, algumas já quase a emancipar-se dos cuidados das mães. A SIC acompanhou o trabalho de Carlos Carrapato, biólogo do Parque Natural do Vale do Guadiana, que procurava confirmar se o macho Mel estava bem, após a realização de uma montaria no território que tem ocupado. Imagens dos animais Pedro Sarmento/ICNF

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.