sicnot

Perfil

País

Médica acusada de ofensa à integridade física em parto ocorrido há 7 anos

Uma médica do hospital de Angra do Heroísmo, na Ilha Terceira, vai ser julgada por más práticas médicas num parto ocorrido há sete anos.

O bebé nasceu em 2010 e, na altura, sofreu lesões que lhe provocaram a morte, cinco meses após o nascimento.

O Ministério Público entende que as sequelas foram provocadas pela violação das regras da profissão.

A médica vai ser julgada pelo crimes de ofensa à integridade física agravada.