sicnot

Perfil

País

Homem ferido na plataforma do metro do Saldanha

Um homem ficou esta quarta-feira ferido na plataforma do metro da estação do Saldanha, em Lisboa. De acordo com testemunhas, terá ficado preso pelo casaco à porta de uma carruagem. A composição chegou a avançar alguns metros antes de parar.

O homem foi depois assistido pelo INEM e transportado para o hospital. Este incidente aconteceu por volta das 18h30, em plena hora de ponta, no sentido Saldanha-Odivelas.

Terão sido várias dezenas os passageiros que ficaram depois retidos nas carruagens da composição, sem poderem sair e sem qualquer informação.

Testemunhas ouvidas pela SIC relataram ainda que algumas pessoas conseguiram sair pelas portas de emergência ao fim de 25 minutos. O Metropolitano de Lisboa enviou depois um comunicado às redações, que explica que o homem caiu na plataforma e ficou ferido, lamenta o sucedido e informa que decidiu abrir um inquérito para apurar as causas desta ocorrência.

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.