sicnot

Perfil

País

Os números impressionantes de Marcelo no primeiro ano em Belém

Os números impressionantes de Marcelo no primeiro ano em Belém

Em apenas um ano, Marcelo Rebelo de Sousa tem números impressionantes para apresentar. como demonstra o jornalista Pedro Benevides. O Presidente Marcelo foi tema de mais de 118 mil notícias, fez 53 comunicações ao país e viajou 21 vezes ao estrangeiro.

  • Os três vetos do Presidente Marcelo
    2:08

    País

    O primeiro-ministro felicita o Presidente da República por aquilo a que chama "um ano exemplar" de cooperação entre órgãos de soberania. Marcelo Rebelo de Sousa diz que se limitou a cumprir a Constituição. Neste primeiro ano de mandato, Marcelo usou o poder de veto apenas três vezes.

  • "É muito mais trabalhoso e fatigante do que previa"
    4:04

    País

    No dia do primeiro aniversário da tomada de posse, Marcelo Rebelo de Sousa retirou parte da tarde para uma agenda privada e visitou três exposições. A SIC encontrou-o no Museu do Chiado e aconteceu uma entrevista exclusiva. O Presidente da República confessou que fala todos os dias com o primeiro-minsitro e disse que estava à espera de uma vida menos trabalhosa em Belém.

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45

    País

    Durante a abertura do ano judicial, a Procuradora-Geral da República e o presidente do Supremo Tribunal aproveitaram para deixar um recado à ministra da Justiça: é urgente aprovar o novo estatuto de juízes e magistrados. O presidente do Supremo diz que é injusta a má imagem da Justiça e pediu contenção aos magistrados.

  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38