sicnot

Perfil

País

PSP destrói mais de três mil armas

Marcos Borga

A PSP destruiu na terça-feira mais de três mil armas de fogo e armas brancas dadas como perdidas a favor do Estado no âmbito de processos-crime, administrativos ou contraordenações, divulgou esta sexta-feira a polícia.

Em comunicado, a direção da PSP adianta que foram destruídas 3.129 armas numa empresa especializada depois de terem sido apreendidas ou entregues voluntariamente ao Estado pelos seus detentores ou achadores.

As armas, entre as quais pistolas, revólveres, espingardas, punhais, navalhas, espadas, foram destruídas devido ao seu estado de degradação já que eram inúteis para atividade operacional, formativa, cultural ou museológica das forças de segurança.

Em 2016, a PSP realizou sete operações de destruição de armas, num total de cerca de 24 mil armas de fogo e armas brancas.

Lusa

  • Hospitais vão ser penalizados se não cumprirem tempos de espera
    2:37

    País

    O Ministério da Saúde vai penalizar os hospitais que não cumprem os tempos de espera nas urgências e que tenham taxas elevadas de cesarianas. O novo modelo de financiamento prevê ainda linhas de financiamento próprio para a obesidade e rastreios do cancro do cólon e do colo do útero.

  • Assédio, até onde vai a tolerância?
    35:26