sicnot

Perfil

País

Vento faz desviar 18 aviões na Madeira e cancela três voos

Aeroporto Internacional da Madeira.

Octávio Passos

O vento forte que atinge esta segunda-feira o aeroporto da Madeira continua a condicionar o movimento de aviões, tendo sido desviadas, até às 16:30, 18 aeronaves.

De acordo com fonte da estrutura aeroportuária, que falava perto das 16:30, estão "cinco aviões na ilha do Porto Santo, 10 nas ilhas Canárias, um em Faro e dois em Lisboa ", afirmou.

Devido às condições adversas, foram cancelados quatro voos, disse a mesma fonte.

De acordo com a previsão para esta segunda-feira do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o vento pode chegar aos 85 quilómetros/hora na zona lesta da ilha da Madeira, local da pista do aeroporto, condição que se deve manter até perto do final do dia.

Num destes aviões deveria ter chegado a prémio Nobel da Literatura Svetlana Alexievich, que vai participar na edição deste ano do Festival Literário da Madeira e que deveria ter sido recebida pelo presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, numa audiência entretanto adiada.

O arquipélago da Madeira está esta segunda-feira sob aviso amarelo devido à previsão de vento forte e agitação marítima, informou o IPMA.

A Capitania do Porto do Funchal aconselhou esta segunda-feira o regresso das embarcações aos portos de abrigo devido aos avisos de agitação marítima e de vento forte.

Lusa

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Guterres apela à Coreia do Norte para cumprir resoluções

    Mundo

    O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, apelou este sábado ao ministro do Exterior da Coreia do Norte, Ri Yong Ho, para o cumprimento das resoluções que o Conselho de Segurança impôs ao país em resposta à sua escalada armada.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.