sicnot

Perfil

País

Barra de Esposende fechada e seis condicionadas devido à agitação marítima

A barra de Esposende, distrito de Braga, está hoje fechada à navegação e outras seis estão condicionadas devido à previsão de agitação marítima forte, de acordo com informação disponível na página da Marinha na Internet.

Segundo a Marinha, a barra da Póvoa de Varzim, distrito do Porto, está condicionada a embarcações com calado superior a dois metros e em Vila do Conde (Porto) as embarcações devem navegar apenas duas horas antes e depois da preia-mar.As barras de Aveiro e da Figueira da Foz (distrito de Coimbra) estão fechadas apenas a embarcações de comprimento inferior a 15 metros e 11 metros, respetivamente, e em São Martinho do Porto (distrito de Leiria), as limitações de navegação devem-se a assoreamento.

Nos Açores, a barra de Madalena do Pico (ilha do Pico) está fechada a embarcações com comprimento inferior a 12 metros.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje na costa ocidental ondas de noroeste com 2,5 a 3,5 metros, diminuindo para 2 a 2,5 metros.Na costa sul prevê-se ondas de sudoeste com 01 metro, passando gradualmente a ondas de sueste com 0 1 a 02 metros.

  • O tempo para hoje
    0:48

    País

    Para esta 3ª feira, 14.março.2017, o IPMA prevê períodos de céu muito nublado, apresentando-se pouco nublado na região Norte, em especial a partir da tarde. Aguaceiros na região Sul a partir do meio da manhã, que poderãoser acompanhados de trovoada. Vento fraco a moderado (10 a 30 km/h) predominando de nordeste, soprando moderado a forte (30 a 40 km/h) com rajadas até 65 km/hno litoral a sul de Sines e forte (40 a 50 km/h) com rajadas até 75 km/h nas terras altas.Pequena subida da temperatura máxima nas regiões Norte e Centro.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.