sicnot

Perfil

País

Autoridades estão a fazer o que podem para ajudar os portugueses na Venezuela

JOS\303\211 COELHO

O Presidente da República disse esta sexta-feira que se percebe que as autoridades de Portugal estão a fazer o que podem e o que não podem para ajudar os portugueses na Venezuela, mas para serem eficazes não o podem "apregoar".

"Uma coisa é fazer isso, outra coisa é andar a anunciar nos jornais o que se faz e, para se ser eficaz, não se pode anunciar o que se faz", afirmou o chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, à margem de uma visita à Feira Nacional de Olivicultura, em Valpaços, no distrito de Vila Real.

O Presidente da República lembrou que estão em causa vidas de muitos portugueses, portanto, tem de haver muito cuidado sobre o que se diz da situação daquele país.

"Há duas maneiras de fazer política, uma é apregoar que se vai fazer qualquer coisa e depois acaba-se por não fazer, outra coisa é tentar fazer o que é possível sem andar nos jornais a colocar parangonas sobre o que se está a fazer", frisou.

Os portugueses que estão lá estão em contacto com a realidade social, económica e politica venezuelana, acrescentou, sublinhando que estão em pequenas e médias lojas e comércio de rua, daí a necessidade de cuidados redobrados.

"Deve-se agir criando formas de apoio e de acompanhamento, mas isso é uma coisa, outra coisa é estar a converter isso em aproveitamento político público ou estar a falar demais dificultando uma tarefa que já é difícil", insistiu.

Pelo menos 35 pessoas morreram e 717 ficaram feridas nos protestos que estão a decorrer, desde abril, na Venezuela, informou o Ministério Público venezuelano.

As autoridades detiveram "152 pessoas", na sequência das manifestações contra o Governo da Venezuela, acrescentou em comunicado, precisando que os registos foram atualizados até quinta-feira.

O Ministério Público venezuelano indicou que entre as vítimas mortais contam-se quatro adolescentes, um funcionário da Guarda Nacional Bolivariana (polícia militar) e outro da polícia do Estado de Carabobo.

Os feridos "ascendem a 717 pessoas, das quais 357 foram reportadas por factos relacionados com delitos comuns, 329 por direitos fundamentais e 31 por proteção integral à família", referiu a mesma fonte.

O CDS-PP reiterou hoje preocupação pela situação social e política na Venezuela, declarando que pretende conhecer do Governo detalhes sobre o plano de contingência para a comunidade portuguesa no país.

Lusa

  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • Provavelmente o melhor golo da noite de Liga Europa
    1:24
  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos de final
    1:48
  • O perfil dos novos ministros
    3:22

    País

    Pedro Siza Vieira e Eduardo Cabrita são os dois novos ministros que tomam posse no próximo sábado. Ambos têm uma particularidade: são amigos de longa data do primeiro-ministro António Costa.

  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • Fogos na Califórnia provocaram 42 mortos e perdas acima de mil milhões de dólares

    Mundo

    O comissário dos seguros da Califórnia afirmou esta quinta-feira que as perdas provocadas pelos incêndios que dizimaram extensas áreas deste Estado norte-americano excedem os mil milhões de dólares (844 milhões de euros). Estes incêndios, que começaram no condado de Sonoma County, já provocaram a morte a 42 pessoas no mês de outubro.

  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC