sicnot

Perfil

País

Apenas 12% dos portugueses entregam resto dos medicamentos nas farmácias

David Clifford

A maioria dos portugueses ainda não entrega os restos de medicamentos nas farmácias. De acordo com dados da associação ambientalista Zero, só 12 em 100 portugueses deixam as embalagens vazias e os restos de remédios no local adequado.

A associação alerta que muito deste lixo pode chegar a aterros ou às águas residuais. No entanto, a Zero não deixa de realçar que Portugal é um dos poucos países da União Europeia com uma entidade gestora responsável pelo tratamento deste tipo de resíduos.

A Zero analisou os dados da Valormed e concluiu que, no ano passado, a indústria farmacêutica colocou 315 milhões de unidades de embalagens de venda no mercado, a que corresponde um potencial de resíduos gerados de 7,4 toneladas.


  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • "Precisamos de uma melhor zona Euro"
    0:30