sicnot

Perfil

País

Taxista encontrado morto na Amadora

O taxista saiu do carro e pediu ajuda, acabando por deixar um rasto de sangue na rua.

SIC

Um taxista foi hoje encontrado morto numa rua da Amadora, distrito de Lisboa, disse à agência Lusa uma fonte da PSP, adiantando que o caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária (PJ).

A mesma fonte disse à Lusa que "populares alertaram a PSP da Amadora cerca das 2:00 da manhã", escusando-se a dar mais pormenores sobre o caso uma vez que a investigação foi entregue à PJ.

O taxista terá sido assassinado hoje de madrugada na Praceta Augusto Castilho, na Amadora, onde teria ido deixar um cliente e sido vítima de um assalto.

Toda a área da cidade está, desde dia 11, sob um sistema de vigilância que poderá ajudar as autoridades a identificar os autores deste crime.

  • Taxista morto na Amadora, testemunhas relatam acontecimentos
    7:31

    País

    Um taxista morreu esta madrugada na Amadora. A PSP foi alertada por volta das 2:00. O caso está a ser investigado pela Policia Judiciária. O homem de 57 anos terá sido assassinado na Praceta Augusto Castilho, relatam moradores da zona, em declarações à repórter da SIC Ana Margarida Póvoa.

  • Bernardo Silva no City? O que Pep Guardiola disse ao português na Champions
    0:34
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28
  • "O Brasil não parou e não vai parar"
    1:33

    Mundo

    O Presidente do Brasil diz ter condições para continuar à frente do Palácio do Planalto. Num vídeo publicado no Twitter, Michel Temer garante que o país não parou, nem vai parar, mas há uma nova gravação que pode comprometer o futuro do chefe de Estado.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57