sicnot

Perfil

País

Costa inicia hoje visita oficial ao Chile com reunião com a Presidente Bachellet

David Fernandez

O primeiro-ministro inicia, hoje, uma visita oficial com forte componente económica de dois dias ao Chile, na qual se destaca a nível institucional uma reunião, ao fim da manhã, com a Presidente da República chilena, Michelle Bachellet.

Tal como aconteceu na sua visita oficial à Argentina, que terminou na terça-feira em Buenos Aires, também no Chile, António Costa estará acompanhado pelos seus ministros dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e da Economia, Manuel Caldeira Cabral.

Neste primeiro dia, no Chile - país com uma economia considerada mais estável do que a Argentina -, a parte inicial do programa terá um caráter estritamente político-institucional.

O encontro com a presidente chilena acontecerá logo ao fim da manhã, seguindo-se uma reunião alargada entre os governos dos dois países, declarações à imprensa e um almoço oficial.

Antes da reunião com Michelle Bachelet, em La Moneda, o primeiro-ministro desloca-se ao Monumento Bernardo O´Higgins, local onde haverá honras militares e a deposição de uma coroa de flores.

Na parte da tarde, António Costa discursa na sessão de abertura de um seminário empresarial promovido pela AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo Português) e pela InvestChile, terminando o seu primeiro dia em Santiago com uma visita ao Museu da Memória.

Antes de regressar a Lisboa na tarde de quinta-feira, durante a manhã desse dia, o líder do executivo ainda visitará o centro histórico de Santiago do Chile e o Centro Artesanal Los Dominicos.

Em relação ao Chile, Portugal possui uma balança comercial favorável, exportando produtos de média intensidade tecnológica, sobretudo máquinas e combustíveis, e importando maioritariamente produtos agrícolas.

As exportações nacionais para o Chile chegaram aos 109 milhões de euros no ano passado (contra 86,3 milhões de euros em 2012). Por sua vez, as importações foram em 2016 no valor de 52,1 milhões de euros (contra 24,7 milhões de euros em 2012).

No que respeita às exportações, Portugal tem o Chile como o seu 59.º cliente, sendo, por sua vez, o 38.º fornecedor do mercado chileno. Em intensidade tecnológica, as exportações nacionais são em 46% média e 50% baixa.

No caso do Chile, as suas exportações são 97,6% de baixa intensidade tecnológica.

Lusa

  • "Serei o Presidente de todos os angolanos"
    2:06
  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Supervisão bancária origina novo diferendo entre Carlos Costa e Governo
    0:57

    Economia

    Reacendeu-se a guerra entre o Governo e o governador do Banco de Portugal. Em conferência na sede do banco, esta segunda-feira, Carlos Costa deixou uma crítica indireta ao novo modelo de supervisão bancária. O ministro das Finanças, Mário Centeno, não gostou e exigiu a Carlos Costa que se retratasse, mas o governador recusou-se.

  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.