sicnot

Perfil

País

Dez incêndios em curso em Portugal continental

Dez incêndios estavam em curso em Portugal continental às 16h30, sendo que dois fogos nos distritos de Leiria, um no de Loures e outro no de Coimbra mobilizavam nove meios aéreos e mais de 450 bombeiros.

Segundo a informação disponível no site da Autoridade Nacional da Proteção Civil, o fogo na localidade de Fonte Limpa, concelho de Góis (Coimbra), mobilizava três meios aéreos, 141 bombeiros e 32 viaturas.

No concelho de Pedrógão Grande (Leiria), na localidade de Escala Fundeiros, o fogo mobilizava um meio aéreo, 105 homens e 33 viaturas.
Em Loures (Lisboa), um meio aéreo, 207 homens e 63 viaturas combatem o fogo que lavra no Barro.

Já no concelho de Mação (Santarém), um meio aéreo, 55 homens e 14 viaturas combatiam o incêndio ativo na localidade de São José das Matas.

Por seu turno, o incêndio em curso em Moninhos/ Fundeiros, no concelho de Figueiró dos Vinhos (Leiria), mobilizava um meio aéreo, 58 homens e 18 viaturas.

Já no distrito de Faro, em Monte Ruivo, no concelho de Aljezur, um fogo estava a ser combatido por um meio aéreo, 22 homens e cinco viaturas, enquanto outro em Vale de Lobo, no concelho de Loulé, mobilizava um meio aéreo, 19 homens e cinco viaturas.

Às 16h55, a Proteção Civil dava conta da existência de 347 fogos em Portugal continental, 13 dos quais ativos, dois em resolução e 22 em conclusão. No total, estes incêndios mobilizavam 1.118 homens, 319 viaturas e 11 meios aéreos.

Um incêndio em resolução significa, de acordo com a Proteção Civil, que não há perigo de propagação além do perímetro já atingido.

Um fogo em conclusão é um incêndio extinto com pequenos focos de combustão dentro do perímetro atingido.

Lusa

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC