sicnot

Perfil

País

Três detidos suspeitos de sequestro e roubo agravado no Porto

A Diretoria do Norte da Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta sexta-feira a detenção, na área do Porto, de três pessoas - dois homens e uma mulher -- suspeitos da prática de crimes de sequestro e roubo agravado.

Em comunicado, a PJ refere que "os detidos, com idades entre os 20 e os 35 anos de idade, sem ocupação profissional, têm antecedentes criminais por crimes da mesma natureza, sendo um deles estrangeiro".

Segundo aquela força policial, os crimes terão sido praticados na madrugada de quinta-feira, com recurso a arma de fogo e a vítima foi um advogado de 31 anos, de nacionalidade estrangeira, que se encontra de visita ao país.

"Na noite de ontem, decidiu sair para se divertir nos bares do centro da cidade (Porto), sendo num deles que conheceu os suspeitos. Depois de ter bebido em excesso juntamente com estes e de ter revelado a posse de bens e valores significativos, tornou-se um alvo para aqueles, já com antecedentes criminais por situações semelhantes", explicou a PJ na nota enviada à imprensa.

Aquela força policial acrescentou que "quando a vítima pretendia regressar à unidade hoteleira onde se encontrava hospedado, foi forçado, sob ameaça de arma de fogo, a entrar na viatura de um dos suspeitos e conduzido contra a sua vontade para um local ermo situado nos limites das cidade do Porto e Gondomar, local onde foi agredido e despojado de todos os seus bens, roupas incluídas".

A PJ refere que a investigação, realizada em articulação com a PSP, permitiu "identificar e localizar os arguidos na posse dos bens e valores roubados e com sinais evidentes de terem estado envolvidos em confrontos físicos com a vítima".

"Apurou-se que o grupo em causa já não é a primeira vez que utiliza os elementos do sexo feminino para, em espaços de diversão noturna, atrair possíveis interessados para relações sexuais, que acabam por ser roubados com o envolvimento de todos os elementos que o compõem", adiantou.

Os detidos vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Lusa

  • Os likes dos candidatos às autárquicas no Facebook
    4:00

    Autárquicas 2017

    Se há mais de 5 milhões de portugueses no Facebook, é natural que as autárquicas também passem pela rede social mais usada no país e no mundo. A SIC apresenta-lhe os 10 candidatos cujas páginas têm mais seguidores e, para a comparação ser mais justa, os que têm mais seguidores em Portugal - porque há também quem estranhamente tenha milhares de fãs em países como Egito, Filipinas ou Vietname.

  • Sondagem prevê vitória de Basílio em Sintra e de Bernardino em Loures
    3:03