sicnot

Perfil

País

Euromilhões saiu em Portugal

O primeiro prémio do Euromilhões, no valor de 17 milhões de euros, foi esta terça-feira atribuído a um jogador que registou a aposta no distrito de Aveiro, informou a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

Este apostador foi o único que acertou na chave vencedora no sorteio de hoje, composta pelos números 14, 22, 26, 42 e 50 e pelas estrelas 08 e 10.

Este é a segunda vez este ano que o primeiro prémio do Euromilhões é atribuído em Portugal, depois de em março, no sorteio 21/2017, um jogador que registou a aposta no distrito de Faro ter ganhado 80,5 milhões de euros.

Desde o seu lançamento, em 2004, e incluindo o sorteio desta noite, o Euromilhões contemplou 65 apostadores com o primeiro prémio, sendo que o maior prémio atribuído em Portugal, a um jogador que registou a aposta no distrito de Castelo Branco a 24 de outubro de 2014, tendo levado para casa 190 milhões de euros.

Ainda quanto ao sorteio desta noite, o segundo prémio, no valor de 369.210,29 euros, vai ser distribuído por dois jogadores, um deles com a aposta registada em Portugal, e o terceiro prémio, de 34.397,31 euros, vai ser distribuído por cinco jogadores, tendo um deles registado a aposta em Portugal.

Lusa

  • UGT reivindica que salário mínimo ultrapasse os 600€
    0:26

    Economia

    O secretário-geral da UGT reivindica que até 2019 o salário mínimo nacional ultrapasse os 600 euros. Este sábado, num congresso distrital na Guarda, Carlos Silva considerou que o Governo tem condições para ir mais além e voltou a defender que para o próximo ano o patamar mínimo para a negociação deve ser os 585 euros.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.