sicnot

Perfil

País

INEM vai criar 18 novos postos de emergência médica até final do ano

(Arquivo)

DR

O presidente do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) disse esta quarta-feira que até ao final do ano, vão ser criados 18 novos postos de emergência médica (PEM) em concelhos onde estão em falta.

"Até ao final do ano mais 18 PEM vão estar em concelho que não têm e a renovação de 41 ambulâncias que têm muitos anos e serão substituídas por novas", afirmou Luís Meira durante a assinatura de protocolos para constituição de PEM nas corporações de bombeiros de Pedrógão Grande e de Castanheira de Pera e de substituição em Góis e Figueiró dos Vinhos.

O responsável do INEM adiantou ainda que até ao final deste ano, vão estar mais 65 ambulâncias novas em atividade, sendo que em cinco concelhos do país onde já existem os PEM, estes vão ser reforçados.

Luís Meira voltou a reforçar a ideia e o objetivo de, até final do ano, garantir que todos os concelhos do país têm um PEM.

O secretário de Estado Adjunto da Saúde, Fernando Araújo, adiantou que o compromisso do Governo passa por melhorar o Serviço nacional de Saúde (SNS), no sentido de este responder com qualidade às necessidades das populações.

"Para isso, é preciso dotar com recursos técnicos e humanos. O INEM tem 623 meios no terreno e mais de 300 ambulâncias estão colocadas nos bombeiros. Alguns meios já estão envelhecidos. Fazia sentido neste esforço de reforço, olhar para o INEM", disse.

O governante adiantou que há meios cujo tempo médio de vida já foi ultrapassado e sublinhou que o Governo vai reverter a situação, através de um plano anual de remodelação para as ambulâncias mais antigas.

No conjunto de medidas estratégicas do Governo está a criação de novos PEM nos concelhos onde não existiam, reforço e renovação periódica de PEM em quatro concelhos, sendo que o investimento previsto ronda os 3,5 milhões de euros.

Lusa

  • Encontrados destroços do avião que caiu no Irão

    Mundo

    As autoridades iranianas encontraram destroços do avião que caiu no domingo no sudeste do país, matando as 66 pessoas que seguiam a bordo, revelou um porta-voz da Guarda Revolucionária, o exército de elite do regime.

  • 2,6 milhões de bebés morrem antes de completar um mês

    Mundo

    Os recém-nascidos no Paquistão, República Centro-Africana e Afeganistão são os que têm menor probabilidade de sobreviver, de acordo com um relatório da Unicef que revela que todos os anos 2,6 milhões de crianças morrem antes de completar um mês. Sobretudo nos países mais pobres do mundo, o número de mortes de recém-nascidos a nível global mantém-se assustadoramente elevado.

  • Galp regista lucro de 602 M€ em 2017 

    Economia

    A Galp registou um lucro de 602 milhões de euros no ano passado. Uma subida de 25 por cento em relação a 2016. De acordo com a empresa, os resultados devem-se sobretudo ao aumento da produção de petróleo e gás natural no Brasil, bem como o crescimento dos negócios da refinação e distribuição.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC