sicnot

Perfil

País

Encontrado corpo de homem desaparecido em barragem de Alandroal

SIC

O corpo do homem de 37 anos, que estava desaparecido desde sábado, na albufeira do Lucefecit, no concelho de Alandroal, distrito de Évora, foi encontrado hoje de manhã.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora indicou que os bombeiros mergulhadores localizaram o cadáver às 10:16, tendo sido, pouco depois, retirado da água e transportado para o Gabinete Médico-Legal de Évora, onde será autopsiado.

A fonte da GNR precisou que o corpo estava a cerca de 13 metros de profundidade e a cerca de 10 metros da torre de vigia da barragem.

O homem desapareceu, no sábado ao final da tarde, depois de ter caído de uma mota de água na albufeira do Lucefecit.

Segundo a fonte da GNR, o homem, que já não apareceu depois de cair da mota de água, estaria acompanhado de outras pessoas que deram o alerta para o desaparecimento, cerca das 20:00.

As operações de busca tinham sido retomadas hoje de manhã, mobilizando bombeiros de várias corporações dos distritos de Évora e Portalegre, Cruz Vermelha Portuguesa e a GNR, num total de 30 operacionais, apoiados por 14 veículos e duas embarcações.

Localizada numa ribeira com o mesmo nome, a albufeira da barragem de Lucefecit, perto de Terena, concelho de Alandroal, é, sobretudo, utilizada para regadio.

Lusa

  • Eis os novos heróis de Vila de Aves
    3:03
  • Desportivo das Aves fora da Liga Europa

    Desporto

    O Desportivo das Aves não vai à Liga Europa e o Sporting terá entrada direta na fase de grupos. Apesar da conquista da Taça de Portugal, a equipa avense não se licenciou em tempo útil para poder participar na prova da UEFA, apurou a SIC.

  • E agora, Sporting? Semana de decisões e incertezas
    2:53
  • "Para primeiro dia de pesca da sardinha, não foi mau"
    2:19
  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29

    País

    José Sócrates garantiu este domingo que não atacará o PS e que continua a ser socialista. O antigo primeiro-ministro participou num almoço de apoio, em Lisboa, com cerca de 100 pessoas, a maioria anónimos.