sicnot

Perfil

País

Marinha envia cerca de 100 militares para ajudar no combate aos fogos

PAULO CUNHA

Cerca de 100 militares da Marinha foram hoje enviados para ajudar no combate aos incêndios em Alvaiázere, no distrito de Leiria, e em Nelas, distrito de Viseu, anunciou hoje a força militar.

"A Marinha enviou para o concelho de Alvaiázere, distrito de Leiria, um pelotão de Fuzileiros e respetivo apoio de serviços, que incluem uma cozinha de campanha e apoio médico", refere a Marinha, em comunicado.

A caminho do concelho de Nelas, distrito de Viseu, segue mais um pelotão da Marinha, estando prevista a sua chegada ao local para cerca da meia-noite.

"Estas duas forças da Marinha terão como missão principal apoiar a população e as forças no local no combate aos incêndios nestas áreas, em estreita colaboração com as corporações de bombeiros e a Proteção Civil no local", lê-se no comunicado.
No total, serão cerca de 100 os militares da Marinha que estarão envolvidos nestas ações de apoio nos dois distritos, que têm estado a ser atingidos pelos incêndios.

Lusa

  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.