sicnot

Perfil

País

Bombeiros acusam Governo de "meter a carroça à frente dos bois" ao nomear líder da ANPC

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) considerou hoje que o Governo colocou "a carroça à frente dos bois" ao indigitar Mourato Nunes para dirigir a Proteção Civil sem antes consultar a Comissão Nacional de Proteção Civil.

Jaime Marta Soares falava à agência Lusa momentos antes de se reunir com o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, em Carnaxide, onde a Comissão Nacional de Proteção Civil será ouvida sobre a indigitação de Mourato Nunes para o cargo de presidente da Proteção Civil.

O presidente da LBP considerou que esta reunião, na sede da Autoridade Nacional da Proteção Civil, está "completamente ultrapassada", uma vez que deveria servir para analisar o perfil da pessoa a escolher para presidente da ANPC e isso já foi feito.

"Isto é nitidamente a carroça à frente dos bois. Eu pergunto qual a utilidade desta reunião? Fazer de nós o quê? Uns 'bibelots' que nos sentamos à volta de uma mesa para nos dizerem que o presidente é fulano e nós acenarmos com a cabeça", questionou.

Jaime Marta Soares assegurou que é precisamente isto que irá dizer ao ministro na reunião, ou seja que é preciso "ter mais respeito" em relação aos procedimentos que deviam ser adotados para esta nomeação.

Quanto à escolha do antigo comandante-geral da GNR Mourato Nunes para presidir a ANPC, o presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses disse não se opor ao nome indigitado, que "tem um currículo invejável, mas contrapôs que o importante é as políticas e não os currículos.

"Isto não se faz com currículos do passado, nós queremos coisas para o futuro e o futuro tem de ser algo de novo", destacou Jaime Marta Soares, lembrando que o "atual sistema já deu o que tinha a dar, faliu".

O Ministério da Administração Interna (MAI) indigitou o antigo comandante geral da GNR Carlos Manuel Mourato Nunes para presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil, na sequência da saída do antecessor.

Eduardo Cabrita ouve hoje a Comissão Nacional de Proteção Civil "tendo em vista a nomeação".

A Comissão Nacional de Proteção Civil é presidida pelo ministro da Administração Interna e dela fazem parte delegados dos ministros responsáveis pelos setores da defesa, justiça, ambiente, economia, agricultura e florestas, obras públicas, transportes, comunicações, segurança social, saúde e investigação científica.

Fazem também parte da comissão o presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil e representantes da Associação Nacional de Municípios Portugueses, da Associação Nacional de Freguesias, da Liga dos Bombeiros Portugueses e da Associação Nacional dos Bombeiros Profissionais.

Participam ainda na Comissão representantes do Estado-Maior-General das Forças Armadas, da GNR, da PSP, da PJ, do Gabinete Coordenador de Segurança, da Autoridade Marítima, da Autoridade Aeronáutica e do Instituto Nacional de Emergência Médica. Os Governos Regionais podem participar nas reuniões da Comissão.

Licenciado em Ciências Militares e Engenharia Geográfica, Mourato Nunes passou também pelo Instituto de Altos Estudos Militares, onde concluiu o curso de oficial general e o curso geral de comando e Estado-Maior.

Até agora, Mourato Nunes era consultor de Segurança e Defesa.

A indigitação surge na sequência da demissão, em meados de outubro, do até então presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil, Joaquim Leitão.

Lusa

  • O dia em que Marcelo apitou um jogo de futebol

    País

    Habituado a ajuizar os momentos de tensão entre Governo e oposição, Marcelo Rebelo de Sousa foi esta quarta-feira árbitro, literalmente. Tudo aconteceu num jogo de futebol entre crianças, durante a visita do Presidente da República a São Tomé e Príncipe.

  • Dia de homenagens e muito futebol para Marcelo em São Tomé
    3:01

    País

    No segundo dia da visita de Estado a São Tomé e Príncipe, o Presidente da República prestou homenagem às vítimas do massacre de Batepá, em 1953. Marcelo Rebelo de Sousa não pediu desculpa pela história, mas lembrou que é preciso assumir as coisas menos boas do passado. O dia terminou com o Presidente a mostrar que ainda está em forma.

    Enviados SIC

  • Débito direto: não deixe que lhe tirem centenas de euros da conta
    7:11
  • Mais de 300 mortos em bombardeamentos de Bashar a Ghouta
    3:08

    Mundo

    Nos últimos três dias morreram mais de 300 civis, incluindo crianças, em Ghouta Oriental, na Síria. Alemanha e França exigem uma trégua imediata para que sejam retirados os civis, e António Guterres pede um cessar fogo de um mês. Alertamos para a violência de algumas imagens.

  • Imprensa espanhola considera Rúben Semedo a pior contratação de sempre do Villarreal
    3:35

    Desporto

    Rúben Semedo vai esta quinta-feira ser ouvido por um juiz de instrução, que vai ditar as medidas de coação no caso em que o jogador é suspeito de roubo, agressões e posse ilegal de arma. O defesa português do Villarreal passa mais uma noite nas instalações da Guardia Civil, em Valência. Alguns media espanhóis chamam-lhe agora a pior contratação de sempre da história do clube.

    Enviados SIC

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • Novos protestos na Florida contra a lei das armas
    2:12
  • Pigcasso, a porca pintora que tem uma galeria de arte

    Mundo

    O nome sugere o talento da artista que vive na Cidade do Cabo, na África do Sul. Pigcasso estava prestes a morrer, quando foi resgatada por uma ativista que a ajudou a enveredar pelo caminho da pintura. Desde pequena começou a pegar em pincéis e agora é o primeiro animal do mundo com uma galeria de arte, onde já lançou a sua primeira exposição intitulada 'Oink!'.