sicnot

Perfil

País

Bombeiros preocupados com surto de legionella no hospital São Francisco Xavier

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Jaime Marta Soares, afirmou esta segunda-feira que está preocupado com o surto de infeção com a bactéria 'legionella' no hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, que já provocou dois mortos.

Marta Soares referiu que os bombeiros, para além de transportarem milhares de pessoas por dia para os hospitais e centros de saúde, também passam muitas horas no interior dos hospitais.

"Não tenho conhecimento de nenhum bombeiro que tenha sido infetado, mas é uma situação preocupante e vamos estar atentos ao evoluir desta situação. Transportamos milhares por dia, temos todos os cuidados, mas os bombeiros também passam muitas horas no interior dos hospitais", declarou à agência Lusa.

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses deixou em aberto a possibilidade de discutir o assunto com a Direção-Geral de Saúde, apesar de salientar que é importante, nesta altura, "não causar alarme".

O Ministério Público anunciou hoje, em resposta à Lusa, que está a investigar o surto garantindo que vai averiguar "qualquer indício de crime".

"O Ministério Público encontra-se a recolher elementos, sendo que não deixará de investigar qualquer indício de crime de que tenha conhecimento", refere a resposta, por escrito, enviada à agência Lusa.

O surto de infeção com a bactéria 'legionella' no hospital São Francisco Xavier provocou dois mortos, um homem de 77 anos e uma mulher de 70 anos, anunciou hoje a Direção-Geral da Saúde.

Em conferência de imprensa, a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, adiantou que a mulher estava internada na unidade de cuidados intensivos do Hospital de Santa Maria, em Lisboa, e o homem nos cuidados intensivos de uma unidade de saúde privada.

O balanço das pessoas infetadas com a bactéria 'legionella' subiu hoje para 29, encontrando-se 26 internados, três dos quais nos cuidados intensivos do Hospital São Francisco Xavier, onde foi detetada a infeção.

Graça Freitas disse que o Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge está a realizar análises, que vão demorar tempo a produzir resultados para detetar a origem do surto, admitindo a responsável que poderá estar nas torres de refrigeração ou no sistema de águas do hospital.

O ministro da Saúde deu duas semanas à Direção-Geral de Saúde e ao Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge (INSA) para que "habilitem o governo com um relatório detalhado, que seja do conhecimento público", para apurar a forma como as coisas correram.

Lusa

  • "Enquanto não indentificarmos a fonte podem haver novos casos (de legionella)"
    5:40

    País

    Ricardo Mexia, Presidente da Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública, foi convidado da Edição da Noite para analisar o novo surto de legionella na região de Lisboa. Em direto de Estocolmo, via skype, o médico aponta o calor atípico como "potenciador da multiplicação da bactéria" mas defende que "a manutenção e desinfeção dos equipamentos são essenciais". Ricardo Mexia vai mais longe e admite mesmo que "enquanto não identificarmos a fonte pode haver novos casos" isto porque é necessário que dos pontos de vista térmicos e químicos "assegurem que a água circule de forma segura" para que se minimize o risco da bactéria se multiplicar.

  • Vitória de Guimarães na Áustria em busca do apuramento na Liga Europa
    1:47
  • Árbitros recuam e vão apitar jogos do próximo fim de semana

    Desporto

    Os árbitros recuaram esta quarta-feira na intenção de não comparecer nos jogos do próximo fim de semana. Depois de na terça-feira a maioria dos juízes terem apresentado um pedido de dispensa dos jogos da 12.ª jornada do campeonato, esta quarta-feira adiaram a decisão após uma reunião com o Conselho de Arbitragem.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50

    País

    A água é um recurso essencial para todos os organismos vivos, comunidades e atividades económicas. Num país com situações de secas recorrentes, que tendem a ser agravadas pelas alterações climáticas, o que aprendemos com anteriores episódios de escassez de água? Como usar a água para que não falte no futuro? "Água Sob Pressão" foi o tema desta Grande Reportagem, de Carla Castelo (jornalista), Manuel Ferreira (Imagem), Gonçalo Freitas (Edição de imagem), Paulo Alves (Grafismo) e Isabel Mendonça (Produção), exibida na SIC em julho de 2012 (que também foi um ano de seca, ainda que menos grave do que a atual).

  • Jorge Jesus e Ana Malhoa contra o consumo de sal
    1:21
  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.