sicnot

Perfil

País

Bloco de Esquerda disponível para melhorar lei do financiamento dos partidos

MANUEL DE ALMEIDA

O BE manifestou-se hoje disponível para "melhorar a lei" do financiamento dos partidos, considerando que a nova apreciação parlamentar "deverá corrigir as deficiências de escrutínio público apontadas pelo Presidente da República", cujo veto não questiona a constitucionalidade do diploma.

"O Bloco de Esquerda regista que o Presidente da República não questiona a constitucionalidade do diploma, nem identifica razões de conteúdo na fundamentação do seu veto", refere o partido hoje em comunicado.

Na terça-feira à noite, o Presidente da República vetou as alterações à lei do financiamento dos partidos políticos, justificando esta decisão com a "ausência de fundamentação publicamente escrutinável quanto à mudança introduzida no modo de financiamento dos partidos políticos".

O BE, de acordo com o mesmo comunicado, "mantém-se disponível para melhorar a lei, sempre salvaguardando as correções recomendadas pelo Tribunal Constitucional junto dos partidos, de modo a assegurar a solidez constitucional da lei do financiamento dos partidos e o rigor da fiscalização das suas contas".

"Com esta decisão do Presidente da República, o Parlamento realizará nova apreciação de uma iniciativa legislativa que gerou grande controvérsia e debate na sociedade. Essa apreciação deverá corrigir as deficiências de escrutínio público apontadas pelo Presidente da República ao processo anterior", sublinha o BE.

Lusa

  • A derrota que envergonhou a Argentina e apurou a Croácia

    Mundial 2018 / Argentina

    A Croácia garantiu esta quinta-feira a passagem aos oitavos de final do Mundial 2018. A seleção croata bateu a Argentina por 3-0 e deixou os sul-americanos com as contas do apuramento muito complicadas. Veja aqui os golos e os principais lances do encontro.

  • A "saída limpa" da Grécia ao fim de oito anos de resgates
    0:54
  • Lisboa vence prémio Capital Europeia Verde de 2020

    País

    A cidade de Lisboa venceu o prémio de Capital Europeia Verde de 2020, anunciou o comissário da União Europeia para o Ambiente, Assuntos Marítimos e Pescas, Karmenu Vella, numa cerimónia que decorreu em Nijmegen, na Holanda.

  • Trump culpa democratas pela separação de pais e filhos
    0:22
  • Melania quer famílias reunidas "o mais rápido possível"
    0:35

    Mundo

    A primeira dama dos Estados Unidos fez uma visita surpresa a um centro de detenção de crianças, na fronteira com o México. As imagens mostram a mulher de Donald Trump reunida com responsáveis, não se sabendo para já se Melania teve ou não contacto direto com algumas das crianças detidas.