País

Greve de professores com adesão entre 60% e 70% durante a manhã, indica o sindicato

ANTONIO COTRIM

A greve dos professores registou esta terça-feira de manhã uma adesão entre 60% e 70%, segundo a Federação Nacional dos Professores (Fenprof), numa conferência de imprensa acompanhada pelos restantes sindicatos que convocaram a paralisação.

"Esta é uma grande resposta dos professores no primeiro de quatro dias de greve", disse aos jornalistas o secretário-geral da Fenprof."Se o Governo não ouviu os professores na negociação vai ouvir na rua", disse Mário Nogueira, no primeiro balanço sobre a manhã de greve junto à escola Marquesa da Lorna, em Lisboa.

Na segunda-feira, sindicatos dos professores e Ministério da Educação não chegaram a acordo em relação à contagem do tempo de descongelamento das carreiras. A tutela admite descongelar dois anos e dez meses de tempo de serviço aos docentes, enquanto estes não desistem de ver contabilizados os nove anos e quatro meses.

Como não chegaram a acordo, os professores mantiveram a greve prevista para entre hoje e sexta-feira.

A greve abrange esta terça-feira as escolas dos distritos de Lisboa, Setúbal e Santarém e na região autónoma da Madeira, na quarta-feira as da região sul (Évora, Portalegre, Beja e Faro), na quinta-feira as da região centro (Coimbra, Viseu, Aveiro, Leiria, Guarda e Castelo Branco) e, na sexta-feira, é a vez da região norte (Porto, Braga, Viana do Castelo, Vila Real e Bragança) e na região autónoma dos Açores.

Lusa

  • Volta ao Mundo em Arroios
    18:46

    Reportagem Especial

    Tem mais de 90 nacionalidades diferentes. Os censos de 2011 da freguesia de Arroios, em Lisboa, registavam 4.500 estrangeiros mas nos últimos anos o número terá duplicado. É a freguesia mais multicultural do país, onde a diferença é a principal riqueza.

  • Anticiclone dos Açores afasta o verão de Portugal
    1:46

    País

    O verão vai continuar ameno em Portugal e, no início da próxima semana, as temperaturas máximas vão mesmo descer. Um cenário bem diferente do do norte da Europa, onde são as ondas de calor que estão a preocupar as autoridades. 

  • Ryanair prevê cancelamento de 50 voos diários em Portugal
    2:10

    Economia

    A Ryanair vai cancelar até 50 voos em Portugal durante os dois dias de greve, na próxima semana. A companhia irlandesa garante que já contactou 90% dos clientes com viagens marcadas de e para o país, que podem agora pedir o reembolso ou reagendar os voos.

  • Sócrates defende Pinho e critica Parlamento

    País

    José Sócrates saiu em defesa do seu antigo ministro da Economia, Manuel Pinho. Num artigo de opinião publicado no Expresso, o ex-primeiro-ministro aponta o dedo ao presidente do PSD e ao líder parlamentar do PS.

  • PP espanhol elege o líder mais jovem de sempre

    Mundo

    O novo presidente do Partido Popular (PP) espanhol, Pablo Casado, com 37 anos, é o líder mais jovem que este partido já teve na sua curta história, sendo visto por muitos como defensor da ala mais conservadora e tradicional.