sicnot

Perfil

Pequenas grandes histórias

Bana, a menina de sete anos que relata a vida em Alepo, no Twitter

Bana, a menina de sete anos que relata a vida em Alepo, no Twitter

Conheça a menina de sete anos que relata o que se passa em Alepo, na Síria. Vive com os dois irmãos e a mãe, que a ajuda a escrever e a fazer vídeos para publicar no Twitter. Mostra o jardim à volta de casa em ruínas e o som dos bombardeamentos.


As publicações começaram a 24 de setembro. Bana publica apelos à paz, pede à Bashar al-Assad, Vladimir Putin e a Barack Obama para pararem com os bombardeamentos.

Não vai à escola porque é muito perigoso. Mas tem um sonho: ser professora. Precisa é de paz. A Síria está em guerra civil há cinco anos.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".