sicnot

Perfil

Pequenas grandes histórias

Cientistas desenvolvem interface capaz de ler o pensamento

Cientistas desenvolvem interface capaz de ler o pensamento

Um grupo de cientistas desenvolveu uma interface cérebro-computador capaz de ler os pensamentos de doentes que sofrem de síndrome de encarceramento total. Estão totalmente paralizados e não conseguem comunicar, nem pestanejar.

Este sistema permite medir os níveis de oxigénio no sangue, a atividade cerebral e descodificar respostas. Os investigadores fazem, perguntas "sim" ou "não" e o computador calcula a resposta.

Foi desenvolvido pelo Centro Wyss de Bio e Neuroengenharia, na Suíça.

Investigadores garantem que 70% das repostas calculadas pelo computador estão corretas.

Leia aqui o estudo.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".