sicnot

Perfil

Perfis

GNR recupera veículos alegadamente usados no assalto a multibanco perto de Évora

Os dois veículos automóveis furtados que alegadamente serviram para a fuga dos suspeitos que, no sábado, assaltaram uma caixa multibanco em São Miguel de Machede, no concelho de Évora, foram hoje recuperados pela GNR.

O Comando Territorial de Portalegre da GNR disse à agência Lusa que o automóvel que se supõe ter sido utilizado no assalto, um veículo furtado de um 'stand' em Elvas, na sexta-feira, foi encontrado e recuperado hoje, "de manhã cedo", perto de Campo Maior.

"Efetivos do Posto de Campo Maior localizaram a viatura perto da vila, numa via junto da Estrada Nacional 373, que liga Elvas e Campo Maior, e da estrada para a Barragem do Caia", explicou.

O veículo, que ao que "tudo indica" será uma das viaturas utilizadas pelos assaltantes, apresenta "danos na fechadura e no canhão de ignição, compatíveis com arrombamento e furto".

Segundo a fonte, o automóvel foi sujeito a inspeção técnica, para "tentar recuperar algum indício", e foi levado para as instalações do Posto de Campo Maior da GNR "à ordem do processo" do Ministério Público para, "depois, eventual devolução ao seu legítimo proprietário".

No assalto de sábado, os assaltantes terão usado um segundo veículo para concretizar a fuga, uma "carrinha de caixa aberta furtada na zona de Azaruja", no concelho de Évora, a qual foi também hoje recuperada pela força de segurança.

A viatura, precisou à Lusa o Comando Territorial de Évora da GNR, "foi localizada e recuperada esta madrugada, perto de Azaruja".

"Pelos indícios encontrados no interior, tudo indica que será a mesma alegadamente usada pelo grupo de assaltantes", sublinhou a fonte da GNR.

A investigação ao assalto - realizado às 02:15 de sábado, com os assaltantes a usarem uma máquina retroescavadora para rebentar com a caixa multibanco - prossegue a cargo do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Évora da GNR.

Inicialmente, as autoridades avançaram que o grupo de assaltantes seria composto por três ou quatro homens, mas a fonte da GNR de Évora contactada hoje pela Lusa atualizou a informação.

"Esse número aumentou ligeiramente", disse, revelando que a GNR suspeita, agora, que o grupo seja formado por "quatro a cinco pessoas".

Os assaltantes, encapuzados e armados, conseguiram fugir com as gavetas do multibanco, não tendo as autoridades revelado a quantia de dinheiro que se encontrava no interior da caixa ATM.

Lusa

  • Rui Patrício confirmado no Wolverhampton

    Desporto

    O Wolverhampton anunciou esta segunda-feira a contratação do guarda-redes Rui Patrício, depois da rescisão com o Sporting. O guarda-redes da seleção nacional assinou contrato com o clube inglês por quatro épocas.

    SIC

  • Novo treinador do Sporting diz que mulheres não estão preparadas para falar de futebol
    1:23
  • Salto de Cristiano Ronaldo inspira dança afro-beat

    Desporto

    Uma música humorística afro-beat, publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França.

  • Ronaldo no País dos Sovietes: As religiões praticadas na Rússia
    1:55
  • "Estamos a plantar fósforos"
    2:09

    Opinião

    O calor regressou esta segunda-feira em força e no terreno estiveram quase 1300 bombeiros a combater 70 fogos por todo o país. Depois da tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da República diz que a consciência do país mudou mas é preciso fazer mais. Já Miguel Sousa Tavares diz que o país está mais preparado para combater os incêndios do que alguma vez esteve. No entanto, o comentador da SIC diz que já foram plantados mais de "2500 hectares de eucaliptos" desde Pedrógão e que enquanto isso acontecer Portugal vai continuar a arder. 

    Miguel Sousa Tavares

  • Merkel tem duas semanas para negociar solução para crise migratória

    Mundo

    A chanceler alemã tem duas semanas para negociar com os parceiros europeus uma solução para a questão migratória e assim evitar uma crise política. O ultimato foi dado pelo CSU, o partido da Baviera que integra a coligação governamental. Ao contrário de Angela Merkel, defende uma política para os refugiados mais estrita.

  • Pai de Meghan Markle lamenta ser "nota de rodapé" no casamento real
    2:03
  • Quando as crianças fazem das suas... os pais é que pagam

    Mundo

    Quando as crianças fazem das suas, restam os pais para as castigar ou, em alguns casos, para sofrer as consequências desses atos. Quem o pode dizer é um casal norte-americano, que recebeu uma fatura de 132 mil dólares (cerca de 114 mil euros), depois de o filho ter derrubado uma estátua num centro comunitário.

    SIC