sicnot

Perfil

A verdade sobre a mentira

Paul Horner diz que apoiantes de Trump são mais fáceis de convencer

Paul Horner diz que apoiantes de Trump são mais fáceis de convencer

Luís Manso

Luís Manso

Jornalista

É responsável por alguns dos sites mais famosos e polémicos nos Estados Unidos (O abcnews.com.co, cópia do verdadeiro site da ABC News, é um dos exemplos), dos quais saíram as principais notícias falsas, durante a campanha eleitoral norte-americana. Paul Horner contou a piada embrulhada em mentira contra a figura de Hillary Clinton. Mais que tudo, diz, porque os apoiantes de Trump são mais fáceis de convencer. Atraiu milhões para as falsas notícias que produziu. Como a que dava conta de manifestantes anti-Trump que estariam a ser pagos para protestarem em comícios republicanos. Na entrevista à SIC, assume ser contra o atual Presidente, diz que fez tudo em nome do lucro e recusa a ideia de ter contribuído para a eleição do multimilionário. Vai mais longe e diz: "vou continuar porque posso viver disto. Tenho muitos fãs. (As Fake News) vão levar mais pessoas a questionarem-se e ajudar à distituição do Donald Trump."

(O site abcnews.com.co, cópia do verdadeiro site da ABC News, foi entretanto desativado)

  • "Para a maioria das pessoas, a diferença entre informação falsa e real é muito pequena"
    16:18

    A verdade sobre a mentira

    Especialista em literacia mediática, antigo jornalista na BBC, professor na Universidade do Minho, Luís António Santos contextualiza a realidade das notícias falsas, aponta responsabilidades e indica caminhos. "Este espaço está em vazio porque para a maioria das pessoas, a diferença entre a informação falsa e a informação real já é muito pequena. E isso é uma tragédia muito grande. Isso é o problema de fundo do jornalismo hoje em dia", diz o docente, em entrevista à SIC. Ele próprio, confessa nesta conversa, já tropeçou na falsidade que circula nas redes sociais. "As não verdades, as mentiras, espalham-se com grande velocidade", sublinha.

  • Autor do site Imprensa Falsa defende a sátira como verdade anestesiada
    16:46

    A verdade sobre a mentira

    Abriu a janela do Imprensa Falsa há pouco mais de uma década. José Pedro Silva, humorista, é um leitor atento da atualidade e um autor satírico com assinatura de referência no mundo online e offline. Ataca as notícias falsas que descreve como burlas. Defende a sátira, como uma verdade anestesiada, com alguma dose de factos. O site passou de blogue a publicação com presença destacada no Facebook.

  • "Nunca a comunicação social teve níveis de credibilidade tão baixos"
    15:28

    A verdade sobre a mentira

    Fez parte da equipa que fundou o jornal Público, em finais dos anos 80, um dos nomes e rostos do Observador, que ajudou também a fundar, José Manuel Fernandes é um histórico no jornalismo português. Tem uma longa carreira que atravessa a imprensa, em papel e no digital. "Nunca nas décadas mais recentes, a comunicação social teve níveis de credibildiade tão baixos", realça na entrevista que deu à SIC. Sublinha que as notícias falsas, os boatos, sempre por nos andaram a espreitar. "Não é necessário haver redes sociais para estes dramas acontecerem". Aponta para algo que diz ser decisivo em todo este contexto: a fragmentação do espaço público.

  • "A nossa lei tem demasiados buracos"
    0:44

    País

    Rui Cardoso acusa a classe política de não querer resolver os problemas da corrupção em Portugal. Entrevistado na Edição da Noite da SIC Notícias o magistrado do Ministério Público considera que ainda há um longo caminho a percorrer no combate à corrupção.

  • Salah Abdeslam deixa cadeira vazia na leitura da sua sentença
    2:05

    Mundo

    O único suspeito vivo dos ataques de Paris em 2015 foi esta segunda-feira condenado a 20 anos de prisão por um tribunal belga, num processo paralelo: um tiroteio em março de 2016, em Bruxelas. Tanto Salah Abdeslam como o cúmplice não quiseram estar na leitura da sentença. O julgamento de Salah Abdeslam pelos ataques de Paris só deverá acontecer no próximo ano, em França.

  • Beyoncé e a irmã caem e o vídeo torna-se viral

    Cultura

    Beyoncé voltou este fim de semana a subir ao palco do Coachella, depois de ter atuado na primeira semana do festival que decorreu no deserto da Califórnia, nos EUA. A cantora norte-americana voltou a brilhar, mas foi o momento em que caiu no palco com a irmã, Solange, que acabou por se tornar viral.

    SIC

  • Cientistas querem sequenciar genomas de 15 milhões de espécies

    Mundo

    Um consórcio internacional de cientistas, que por enquanto não inclui portugueses, propõe-se sequenciar, catalogar e analisar os genomas (conjuntos de informação genética) de 15 milhões de espécies, uma tarefa que levará dez anos a fazer, foi divulgado esta segunda-feira.