sicnot

Perfil

CAPA_SITE_02.jpg

Cartaz

SEGUNDA A SEXTA 16:25

Cartaz

Evocando a saga jornalística de Dan Rather

Cartaz Cultural

Evocando a saga jornalística de Dan Rather

Robert Redford interpreta o jornalista Dan Rather no filme “Truth/Verdade”, sobre um momento dramático do programa “60 Minutes”, da CBS. João Lopes comenta as principais novidades da semana, destacando ainda a estreia de “O Abraço da Serpente”, a produção colombiana que foi nomeada para o Oscar de melhor filme estrangeiro.

“Verdade”, de James Vanderbilt, evoca a conjuntura em que, em 2004, o programa “60 Minutes”, de Dan Rather, divulgou documentos sobre as alegadas manobras que, nos anos 70, tinham permitido ao Presidente Bush evitar a mobilização para o Vietname — um drama vibrante sobre os prós e contras do jornalismo.

Com “O Abraço da Serpente”, o colombiano Ciro Guerra evoca a convivência de um “shaman” da Amazónia com dois exploradores, um da Alemanha, outro dos EUA — uma epopeia invulgar que nos faz revisitar uma paisagem misteriosa e deslumbrante.

Luca Guadagnino refaz o filme francês “A Piscina” (1969), agora em paisagens de uma pequena ilha italiana — um melodrama erótico centrado em quatro personagens interpretadas por Tilda Swinton, Ralph Fiennes, Dakota Johnson e Matthias Schoenaerts.

“A Lição”, de Kristina Grozeva e Petar Valchanov, vem da Bulgária e encena uma situação social e moralmente perturbante — uma professora descobre que foi roubada por um dos seus alunos...

O produtor americano J. J. Abrams volta a estar na origem de um filme apostado em relançar as regras do suspense e do terror: “10 Cloverfield Lane” é o título de estreia na realização de Dan Trachtenberg.

* Banda sonora: “Billy Bathgate” (1991), de Robert Benton

> “Bye Bye Blackbird”, Rachel York

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".