sicnot

Perfil

Cartaz

Clássico de Kubrick regressa em cópia nova

Clássico de Kubrick regressa em cópia nova

João Lopes

João Lopes

Crítico de cinema

Ryan O’Neal protagoniza o clássico “Barry Lyndon”, de Stanley Kubrick, agora em reposição. João Lopes comenta as novidades da semana, incluindo o drama “Vencer a Qualquer Preço”, sobre o ciclista Lance Armstrong e o seu processo de doping na Volta a França.

É mais um clássico que regressa às salas escuras: “Barry Lyndon” (1975), de Stanley Kubrick, narra a história épica de um cidadão que, em meados do século XVIII, ascende de forma não muito transparente no seio da aristocracia inglesa — uma reposição em cópia restaurada, em paralelo com o relançamento do filme no mercado britânico.

Lance Armstrong ficou célebre por ter ganho sete vezes consecutivas o “Tour de France” e, depois de um dramático processo judicial, por ter sido desqualificado: o seu esquema de doping conduziu-o da glória ao desastre. É essa odisseia trágica que é contada no vibrante “Vencer a Qualquer Preço”, de Stephen Frears, com Ben Foster a interpretar Armstrong.

Momento importante do Festival de Cannes de 2015, “Uma Pastelaria em Tóquio”, de Naomi Kawase, é uma história do quotidiano, centrada na relação do proprietário de um quiosque de guloseimas com uma velha senhora que lhe dá a conhecer uma receita muito antiga — um exemplo brilhante da mais recente produção japonesa.

Depois de um filme em que se ausentou, Matt Damon volta a interpretar a personagem de Jason Bourne, o homem que foi condicionado para funcionar como implacável agente da CIA. Dirigido por Paul Greengrass, o novo filme chama-se apenas “Jason Bourne” e é o quinto título desta saga.

“O Senhor Manglehorn” é um dos mais recentes exemplos do imenso talento de Al Pacino — ele interpreta um homem desencantado, fabricante de chaves, que vai ser compelido a acertar algumas contas afectivas com as suas próprias memórias. A partir de agora disponível em DVD, “O Senhor Maglehorn” tem assinatura de David Gordon Green, uma dos nomes emblemáticos do cinema independente americano das duas últimas décadas.

* Banda sonora: “De Olhos Bem Fechados” (1999), de Stanley Kubrick

> "Valsa #2, Jazz Suite", Dmitri Shostakovich

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.