sicnot

Perfil

CAPA_SITE_02.jpg

Cartaz

SEGUNDA A SEXTA 14:30

Cartaz

Laurent Cantet filma memórias de Cuba

Cartaz de Cinema

Laurent Cantet filma memórias de Cuba

João Lopes

João Lopes

Crítico de cinema

Vencedor da Palma de Ouro em Cannes/2008, com “A Turma”, Laurent Cantet está de volta com um filme sobre Cuba. João Lopes comenta as novidades da semana, destacando ainda o lançamento da animação “A Vida Secreta dos Nossos Bichos” e a edição em DVD de um clássico de Federico Fellini.

"Regresso a Ítaca” é mais um exemplo da versatilidade do realizador francês Laurent Cantet. Contando com a colaboração do escritor Leonardo Padura, ele faz o retrato de uma geração que reflecte sobre as ilusões e desilusões da revolução cubana — uma crónica história e um filme intimista.

Com chancela dos estúdios “Illumination”, criadores dos “Mínimos”, “A Vida Secreta dos Nossos Bichos” é mais uma comédia em desenho animado, desta vez centrada num grupo de animais domésticos que, na ausência dos donos, se comportam de forma pouco ortodoxa...

Todd Phillips, o cineasta de “A Ressaca” (2009) está de volta com um filme bem diferente: “Os Traficantes” é a história convulsiva (baseada em factos verídicos) de dois jovens amigos que, aproveitando algum vazio legislativo, vendem armas ao exército americano no Afeganistão — Jonah Hill e Miles Teller são os intérpretes principais.

“O Grande Fúsi” surge como um exemplo pouco comum da cinematografia da Islândia. Centrado no quotidiano de um homem que é gozado (e até mesmo ameaçado) devido ao seu porte físico, o filme de Dagur Kári propõe um retrato pleno de emoção sobre os mecanismos mais secretos das relações humanas.

O dinamarquês Nicolas Winding Refn continua a propor um cinema em que o formalismo das imagens está claramente influenciado por alguma estética publicitária: “O Demónio de Neón” é um retrato dos

bastidores da moda, com Elle Fanning no papel central — estev presente na competição de Cannes/2016.

No DVD, podemos redescobrir um título clássico do mestre italiano Federico Fellini: com Marcello Mastroianni no papel central, “A Cidade das Mulheres” (1980) desenvolve-se como uma crónica surreal sobre a relação de um homem com o universo feminino. É também um dos poucos filmes de Fellini em que a banda sonora não é assinada por Nino Rota — desta vez, o compositor é o argentino Luis Bacalov.

* Banda sonora: “A Cidade das Mulheres” (1980), de Federico Fellini

“La Città delle Donne”, Luis Bacalov

  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • "O fogo chegou de repente. Foi um demónio"
    2:15
  • O desabafo de um empresário que perdeu "uma vida inteira de trabalho" no fogo
    2:08
  • O testemunho emocionado de quem perdeu quase tudo
    2:10
  • As comunicações entre operacionais no combate às chamas em Viseu
    2:27
  • Houve "erros defensivos que normalmente a equipa não comete"
    0:38

    Desporto

    No final do jogo, quando questionado sobre a ausência de Casillas no onze do FC Porto, Sérgio Conceição referiu que a equipa apresentada era aquela que lhe oferecia garantias. Quanto ao jogo, o treinador portista reconheceu que a equipa cometeu vários erros defensivos.

  • "Cometemos erros e há que tentar corrigi-los"
    0:41

    Desporto

    No final do jogo em Leipzig, Iván Marcano desvalorizou a ausência de Iker Casillas e entendeu que o facto de o guarda-redes ter ficado no banco não teve impacto na equipa. Já sobre o jogo, o central espanhol garantiu que não correu da forma como os jogadores esperavam.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.