sicnot

Perfil

CAPA_SITE_02.jpg

Cartaz

SEGUNDA A SEXTA 14:30

Cartaz

Laurent Cantet filma memórias de Cuba

Cartaz de Cinema

Laurent Cantet filma memórias de Cuba

João Lopes

João Lopes

Crítico de cinema

Vencedor da Palma de Ouro em Cannes/2008, com “A Turma”, Laurent Cantet está de volta com um filme sobre Cuba. João Lopes comenta as novidades da semana, destacando ainda o lançamento da animação “A Vida Secreta dos Nossos Bichos” e a edição em DVD de um clássico de Federico Fellini.

"Regresso a Ítaca” é mais um exemplo da versatilidade do realizador francês Laurent Cantet. Contando com a colaboração do escritor Leonardo Padura, ele faz o retrato de uma geração que reflecte sobre as ilusões e desilusões da revolução cubana — uma crónica história e um filme intimista.

Com chancela dos estúdios “Illumination”, criadores dos “Mínimos”, “A Vida Secreta dos Nossos Bichos” é mais uma comédia em desenho animado, desta vez centrada num grupo de animais domésticos que, na ausência dos donos, se comportam de forma pouco ortodoxa...

Todd Phillips, o cineasta de “A Ressaca” (2009) está de volta com um filme bem diferente: “Os Traficantes” é a história convulsiva (baseada em factos verídicos) de dois jovens amigos que, aproveitando algum vazio legislativo, vendem armas ao exército americano no Afeganistão — Jonah Hill e Miles Teller são os intérpretes principais.

“O Grande Fúsi” surge como um exemplo pouco comum da cinematografia da Islândia. Centrado no quotidiano de um homem que é gozado (e até mesmo ameaçado) devido ao seu porte físico, o filme de Dagur Kári propõe um retrato pleno de emoção sobre os mecanismos mais secretos das relações humanas.

O dinamarquês Nicolas Winding Refn continua a propor um cinema em que o formalismo das imagens está claramente influenciado por alguma estética publicitária: “O Demónio de Neón” é um retrato dos

bastidores da moda, com Elle Fanning no papel central — estev presente na competição de Cannes/2016.

No DVD, podemos redescobrir um título clássico do mestre italiano Federico Fellini: com Marcello Mastroianni no papel central, “A Cidade das Mulheres” (1980) desenvolve-se como uma crónica surreal sobre a relação de um homem com o universo feminino. É também um dos poucos filmes de Fellini em que a banda sonora não é assinada por Nino Rota — desta vez, o compositor é o argentino Luis Bacalov.

* Banda sonora: “A Cidade das Mulheres” (1980), de Federico Fellini

“La Città delle Donne”, Luis Bacalov

  • Inglaterra estreia-se com vitória suada frente à Tunísia

    Mundial 2018 / Tunísia

    A seleção inglesa estreou-se no Mundial 2018 com um triunfo sobre a Tunísia por 2-1, com o golo da vitória a ser apontado já para lá do minuto 90. O jogo foi referente à 1.ª jornada do grupo G. Veja aqui os golos e os lances que marcaram o encontro.

  • O melhor golo do 5.º dia de Mundial

    Desporto

    Numa escolha feita pelos jornalistas de desporto e do site da SIC Notícias, mostramos-lhe o melhor golo deste quinto dia de Mundial. Foi apontado por Dries Mertens, na vitória da Bélgica sobre o Panamá por 3-0.

  • Salto de Cristiano Ronaldo inspira dança afro-beat

    Desporto

    Uma música humorística afro-beat, publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França.

  • Ronaldo no País dos Sovietes: As religiões praticadas na Rússia
    1:55
  • "Estamos a plantar fósforos"
    2:09

    Opinião

    O calor regressou esta segunda-feira em força e no terreno estiveram quase 1300 bombeiros a combater 70 fogos por todo o país. Depois da tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da República diz que a consciência do país mudou mas é preciso fazer mais. Já Miguel Sousa Tavares diz que o país está mais preparado para combater os incêndios do que alguma vez esteve. No entanto, o comentador da SIC diz que já foram plantados mais de "2500 hectares de eucaliptos" desde Pedrógão e que enquanto isso acontecer Portugal vai continuar a arder. 

    Miguel Sousa Tavares

  • Pai de Meghan Markle lamenta ser "nota de rodapé" no casamento real
    2:03
  • Quando as crianças fazem das suas... os pais é que pagam

    Mundo

    Quando as crianças fazem das suas, restam os pais para as castigar ou, em alguns casos, para sofrer as consequências desses atos. Quem o pode dizer é um casal norte-americano, que recebeu uma fatura de 132 mil dólares (cerca de 114 mil euros), depois de o filho ter derrubado uma estátua num centro comunitário.

    SIC