E se fosse consigo?

Maioria dos sem-abrigo sofrem de doenças mentais, diz psiquiatra

Maioria dos sem-abrigo sofrem de doenças mentais, diz psiquiatra

O psiquiatra António Bento acompanha pessoas sem-abrigo há cerca de 30 anos e não tem dúvidas em afirmar que a maioria são casos de doença mental. Defende que é prioritário saber quem são os sem-abrigo, que “é uma coisa que ninguém sabe, nem eu próprio”, diz. Critica que se continue a falar dos sem-abrigo “por palpites”, como se fossem um grupo homogéneo, como se todos sofressem dos mesmos problemas. Quando a realidade é muito mais complexa.