sicnot

Perfil

Racismo

Há ou não racismo em Portugal?

Há ou não racismo em Portugal?

O racismo é o tema do primeiro programa E SE FOSSE CONSIGO?, a estrear na segunda feira, 18 de Abril, pelas 20:50, em simultâneo na SIC e na SIC Notícias. Logo a seguir, a SIC Notícias, abre espaço a um debate, moderado pela coordenadora e apresentadora do programar Conceição Lino. Mesmo antes da estreia, a discussão sobre o tema, o racismo em Portugal, está lançado.

Centenas de milhares de pessoas já viram os vídeos de lançamento do programa nas redes sociais, em que as opiniões já se cruzam.

Os portugueses orgulham-se de ser um povo tolerante e integrador. Mas será mesmo assim?

Nas relações sociais, no momento de arranjar emprego ou de fazer a lista de deputados, será que a cor da pele não pesa nos critérios, nas escolhas, nas decisões?

As opiniões divergem. Os alunos da turma CLH, do 11º ano Agrupamento de Escolas do Forte da Casa, que há dias discutiram o tema na sala de aula, são um bom exemplo de como os jovens encaram o preconceito.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras