sicnot

Perfil

Racismo

COMUNICADO OFICIAL DO MÚSICO NBC SOBRE A SUA PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA 'E SE FOSSE CONSIGO?' DA SIC

"Quando me convidaram para fazer parte de um programa sobre racismo, aceitei de imediato. É preciso falar sobre isto. Pôr as pessoas a refletir.

Tenho a noção de que a minha visão sobre este tema ou conceito foi pouco consensual, mas não esperava reações tão diferentes e emotivas depois de expô-la na televisão. Li e interiorizei as mensagens que recebi e decidi escrever-vos.

Não utilizo o termo 'racismo' porque, na minha opinião, tem uma carga negativa e coloca-nos numa posição mais frágil. E, neste momento, em 2016, essa posição menor, por parte de quem é discriminado, não deveria existir, como nas situações encenadas no café, e mostradas no programa.

Compreendo, no entanto, que a minha afirmação "Não há racismo em Portugal" seja demasiado generalista e não represente as experiências de todos. Não consegui explicar isto em directo. E, mesmo sem intenção, acabei por ferir pessoas que já viveram ou ainda vivem situações de discriminação.

Acredito que a discriminação está essencialmente associada a relações de poder, principalmente económico. Mas há discriminação de género, de orientação sexual, racial, enfim. Todos nós estamos sujeitos a comentários negativos. Todos.

Somos humanos. Não há nenhuma diferença entre eu e tu. Com esforço, trabalho e tolerância TODA A GENTE PODE SER TUDO."

~~~~~

NBC

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.