sicnot

Perfil

perdidos e achados.png

Perdidos e Achados

SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

Perdidos e Achados

"A história de um Cozido"

O Perdidos e Achados deste sábado é um pouco diferente. Viajamos no tempo, mas  sobretudo... pelo país. Da terra ao prato, dois repórteres da SIC perdem-se entre Douro e Tejo, para achar a história de um cozido, contada pelo Chef Nuno Diniz.

Os cozidos de Nuno Diniz implicam pesquisa, no terreno, o que faz dele o chefe dos cozidos de Portugal.

Os cozidos de Nuno Diniz implicam pesquisa, no terreno, o que faz dele o chefe dos cozidos de Portugal.

Habituado a integrar o júri de concursos na arte da culinária, também cozinheiro premiado, consultor, professor a escola de hotelaria de Lisboa e chefe num prestigiado hotel, Nuno Diniz dedicou-se à história e arte do cozido.

Entre outras reportagens em que já participou, a SIC esteve com ele no ano passado, em direto, naquele que foi o maior cozido de sempre em número de ingredientes.

Num mosaico do melhor que Portugal tem, os cozidos de Nuno Diniz implicam pesquisa, no terreno, o que faz dele o chefe dos cozidos de Portugal. Nuno faz três grandes cozidos por ano. A norte, a centro e a sul. Seguindo as tradições e receitas locais.

Se cada região tem a sua maneira de fazer um cozido, Nuno Diniz adota o princípio dos "perdidos e achados", ao encontro de um país que também se conta, pela história de um cozido. Desta vez, seguimos o Chef pelos caminhos do cozido "entre-rios", ou seja, entre o Douro e o Tejo.

 

Jornalistas: Joaquim Franco e Raquel Marinho

Repórteres de imagem: Fernando Silva e Diogo Sentieiro

Edição de imagem: Andrés Gutierrez

Produção:  Cláudia Araújo, Madalena Durão

Coordenação: Maria João Ruela

Direção: Alcides Vieira

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira