sicnot

Perfil

perdidos e achados.png

Perdidos e Achados

SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

Perdidos e Achados

Entre-os-Rios 15 anos depois...

Quatro de março de 2001 fica para sempre ligado a uma das maiores tragédias nacionais: A queda da ponte Hintze Ribeiro que ligava as margens de Entre-os-Rios a Castelo de Paiva.

Foi há 15 anos que um autocarro e três carros caíram nas águas do Rio Douro.

Foi há 15 anos que um autocarro e três carros caíram nas águas do Rio Douro.

Ao cair da noite um dos pilares cedeu e parte do tabuleiro ruiu, arrastando 1 autocarro e 3 carros para o rio Douro.

Morreram 59 pessoas. Apenas 23 vítimas foram resgatadas.

Atualmente existem duas novas pontes que unem as margens do Douro, uma região apostada no desenvolvimento mas que ainda sofre de algum isolamento.

Para a maior parte da população é tempo de viver o presente e acreditar no futuro.

No Perdidos e Achados reencontramos quem viveu de perto a tragédia, como Ilda que perdeu a mãe, o irmão, o sobrinho e sete primos ou António Salazar que seguia de carro e escapou à morte por poucos segundos.

E como olham agora para o passado aqueles que estiveram nas operações de resgate, como Gil Martins, que era inspetor nacional dos bombeiros ou Paulo Teixeira, o antigo autarca de Castelo de Paiva.

Jornalistas: Isabel Osório, Patrícia Mouzinho

Repórteres de Imagem: Joaquim Gomes, Odacir Júnior, António Simões

Edição de Imagem: João Nunes

Produção: Cláudia Araújo, Madalena Durão

Coordenação: Pedro Mourinho

  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.