sicnot

Perfil

perdidos e achados.png

Perdidos e Achados

SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

Perdidos e Achados

Olímpicos à Vela

Olímpicos à Vela

A primeira vitória olímpica de Portugal na modalidade de vela foi conquistada em 1948 pelos irmãos, Duarte Bello e Fernando Bello que ganharam a medalha de prata nos jogos de Londres. Quatro anos mais tarde, em 1952, nos jogos de Helsínquia Joaquim Fiúza e Rebelo de Andrade trazem o Bronze para Portugal. Em 1960, mais uma medalha de prata é conquistada na olimpíada de Roma, desta feita pela dupla de irmãos Mário Quina e José Quina. Após a medalha dos irmãos Quina a vela portuguesa faz uma longa travessia, de 36 anos, sem medalhas olímpicas.A modalidade só volta a ascender ao pódio em Atlanta, em 1996, quando Hugo Rocha e Nuno Barreto conseguem deitar as mãos ao bronze. A cerca de um mês do arranque dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro recordamos as histórias vitoriosas dos irmãos Mário e José Quina e da dupla Hugo Rocha e Nuno Barreto.No Rio 2016 vão participar 5 atletas portugueses na modalidade de vela. O desejo do país é que os ventos soprem de feição e ajudem na conquista

  • "O FC Porto não merece ser campeão"
    2:23
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    O empate do FC Porto com o Feirense foi o principal assunto do Play-Off da SIC Notícias, este domingo. Rodolfo Reis mostrou-se insatisfeito com a atitude dos jogadores do FC Porto.

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Défice recua em 2016 na zona euro e na UE

    Economia

    O défice e a dívida baixaram na zona euro e na União Europeia (UE) em 2016 face a 2015, tendo Portugal registado a terceira maior dívida (130,4%) entre os Estados-membros e um défice de 2%, segundo o Eurostat.