sicnot

Perfil

playoff-logo.png

Play-Off

DOMINGO 22:00

Play-Off

"Episódios de violência nos pavilhões têm origem na irresponsabilidade dos dirigentes"

"Episódios de violência nos pavilhões têm origem na irresponsabilidade dos dirigentes"

Os vários cânticos e distúrbios praticados por claques de futebol foram tema de debate no programa Play-Off, da SIC Notícias. Rui Santos diz que os dirigentes são cúmplices destas situações já João Alves elogia a posição repressora de Benfica e FC Porto.

  • "Foi no Jamor que o lagarto ardeu"
    0:37

    Desporto

    A claque do Benfica entoou um cântico a relembrar o very light que matou um adepto do Sporting durante a final da Taça de Portugal, em 1996. Tudo aconteceu este sábado, durante o jogo de andebol entre águias e leões, no Pavilhão da Luz. O momento foi captado por um vídeo amador. Além dos assobios, que tentam imitar o som de um very light, o cântico é audível durante a transmissão do encontro. Contactado pela SIC, o Benfica lamenta qualquer tipo de cântico que viole o princípio do fair play, seja qual for o grupo de adeptos em causa.

  • Pinto da Costa pediu desculpas à Chapecoense
    2:13

    Desporto

    Pinto da Costa pediu desculpas à Chapecoense depois dos cânticos entoados pela claque dos Super Dragões durante um jogo de andebol. Numa carta enviada ao clube brasileiro, o presidente do FC Porto lamentou os insultos e manifestou-se disponível para ajudar o clube.

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.