sicnot

Perfil

Sociedade das Nações

A independência da Lituânia

A Lituânia celebra os 25 anos de independência da antiga união soviética. Milhares de pessoas participaram no desfile anual em Vilnius, marcado pelo debate sobre a mobilização de forças da NATO para os países bálticos, face ao conflito na Ucrânia. Nas celebrações no parlamento, a atual presidente Dalia Grybauskaite pediu aos lituanos para terem força e coragem à medida que "o ruído das armas volta a ser ouvido" vindo de leste. 

No seu discurso nas celebrações, Vytautas Landsbergis, o primeiro presidente da Lituânia após a independência, afirmou que a liberdade não pode ser considerada como um facto adquirido. "Se a agressão dos loucos é imparável e se o império quer retomar as suas antigas colónias, a nossa história de sucesso pode tornar-se temporária" advertiu Landsbergis.

Esta semana no Sociedade das Nações, o primeiro chefe de estado da Lituânia independente lembra os dias conturbados de 1990. Vytautas Landsbergis analisa as principais dificuldades depois da independência e comenta a atual situação na Ucrânia e a política de Vladimir Putin.  
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42