sicnot

Perfil

Sociedade das Nações

A transição democrática na Tunísia

A Tunísia, primeiro país da chamada "primavera árabe", encerrou em dezembro, com as primeiras presidenciais livres, o ciclo de transição política iniciado com a revolução de 2011 que depôs Zine el Abidine Ben Ali, que estava no poder há 23 anos. O país enfrenta importantes problemas de segurança, quer pela instabilidade na vizinha Líbia quer pela forte presença de extremistas no seu território, tendo sofrido um ataque terrorista contra um dos principais museus da capital em março deste ano, no qual morreram mais de duas dezenas de pessoas, entre as quais vários turistas.

© Zoubeir Souissi / Reuters

A Tunísia, um dos países mais laicos da sua região, tem o desafio de resolver as divergências entre os setores laicos e islamitas, que prevalece. Apesar de persistirem problemas como conflitos sociais, o surgimento  de violência atribuída a grupos 'jihadistas', o aumento do desemprego e a quebra no crescimento económico, o país tem dado sinais de estabilidade, nomeadamente com a aprovação de uma constituição que consagra a igualdade entre homens e mulheres e a liberdade religiosa, rejeitando o Islão como fonte do Direito. 

O primeiro-ministro da Tunísia, Habib Essid, é o convidado do Sociedade das Nações. Nesta entrevista, o chefe do executivo tunisino faz o balanço dos primeiros meses no governo do país. 

Habib Essid explica ainda porque razão a Tunísia está contra a decisão europeia de destruir as embarcações que transportam migrantes para a Europa através do Mediterrâneo.A medida, tomada pelos ministros da Defesa e dos Negócios Estrangeiros da União Europiea, insere-se no combate ao tráfico de pessoas no Mediterrâneo, onde, desde o início de 2015, quase 2000 migrantes morreram ou desapareceram.
  • O tempo para hoje
    0:57

    País

    O Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje chuva fraca a norte do sistema Montejunto-Estrela com subidada temperatura mínima. Céu muito nublado ou encoberto, apresentando-se em geral pouco nublado no Baixo Alentejo e no Algarve até meio da manhã. Períodos de chuva fraca ou chuvisco nas regiões a norte do sistema montanhoso Montejunto-Estrela, mais frequentes no Minho e Douro Litoral e a partir da tarde.

  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.