sicnot

Perfil

Vizinhos

A revolução e as casas de Siza na Bouça

VIZINHOS

A revolução e as casas de Siza na Bouça

O projeto de habitação social , de Álvaro Siza no Porto , o Bairro da Bouça, foi iniciado logo após o 25 de Abril, integrado no programa SAAL. O objectivo era retirar pessoas que viviam em condições precárias nas chamadas “ilhas” do Porto. Hoje já é habitado por novos moradores, arquitetos, medicos, mas para os primeiros habitantes, a Revolução de 1974 é celebrada como o símbolo do acesso a uma nova casa.

Em 2016 Álvaro Siza revisita 4 bairros sociais em 4 cidades da Europa: Porto, Veneza, Haia e Berlim. A arquitetura do Prémio Pritzker português mantêm-se, o tecido social dos bairros revela os habitantes da Europa de hoje. A SIC acompanhou em exclusivo Álvaro Siza que entra nas casas, ouve elogios e desabafos dos moradores. “Vizinhos” é uma série de 4 documentários que estarão em exibição na Bienal de Arquitetura de Veneza e que serão transmitidos na SIC Noticias a 28 e 29 de Maio, 4 e 5 de Junho.

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.