sicnot

Perfil

Vizinhos

Siza encontra migrante sírio em casa que projetou há 30 anos

vizinhos

Siza encontra migrante sírio em casa que projetou há 30 anos

O Pavilhão de Portugal na Bienal de arquitetura de Veneza presta este ano homenagem a Álvaro Siza Vieria e aos seus projetos de habitação social. A este propósito a SIC desenvolveu uma série de trabalhos com o arquitecto nos vários bairros que projectou. Por exemplo, em Haia, numa dessas casas, Siza Vieira encontrou agora um sírio refugiado da guerra.

  • A Haia de Siza multicultural
    2:12

    Vizinhos

    Ao longo de décadas a Holanda tem recebido milhares de imigrantes. No projeto de Alvaro Siza em Haia, multiplicam-se as nacionalidades. O arquiteto encontrou nas casas que projectou, um casal de angolanos que vive há 10 anos em Haia.

  • Vizinhos: A Haia de Siza multicultural
    37:26

    Vizinhos

    Quando Álvaro Siza foi convidado a intervir no bairro de Shilderswijk em Haia, nos anos 80, metade da população era holandesa e a outra metade era imigrante. Hoje , mais de 90% dos habitantes de Shilderswijk têm as origens mais diversas, de dezenas de países. Turcos, marroquinos, paquistaneses, originários do Suriname, da Índia, etc. Álvaro Siza conheceu essa diversidade. Esteve na casa de uma familia angolana que há mais de 10 anos vive no bairro e encontrou-se com um refugiado sírio recentemente chegado a uma casa projectada por Siza.

  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • Câmara de Lisboa reorganiza rede municipal de teatros
    2:52

    Cultura

    É uma pequena revolução na rede de teatros municipais em Lisboa. A Câmara, através da EGEAC, vai assumir a gestão do antigo teatro onde funcionou a Cornucópia, e que fechou há exatamente um ano. A autarquia de Lisboa vai ainda concessionar a gestão do Teatro Maria Matos, e abrir uma nova sala, para teatro infantil, em Belém. A informação foi avançada à SIC pela vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Lisboa, Catarina Vaz Pinto.

    Notícia SIC

  • O ensino à distância em Portugal
    4:12

    País

    Em Portugal, o ensino básico e secundário à distância já conta com 300 alunos e com a preciosa ajuda das novas tecnologias. É através do computador que a escola viaja e acompanha os alunos, alguns com doenças que não os permitem ir às aulas, outros que são atletas de alta competição e que têm a maior parte do tempo ocupado por treinos ou ainda os que fazem parte de famílias itenerantes, como é o caso dos que vivem no circo e andam de terra em terra.

  • Aprender a jogar badminton ao ritmo do samba
    2:54

    Mundo

    No Brasil, a correspondente da SIC foi conhecer um projeto social no Rio de Janeiro que mistura samba e desporto. Um desporto que ainda é pouco praticado mas que tem sido fundamental para transformar a vida de jovens das favelas e para descobrir novos talentos do badminton brasileiro.

    Correspondente SIC