Lusa

Tribunal de Contas Europeu passa a auditar mecanismo de resolução bancária - presidente

Nadia Filipa Pessoa Dinis

Lisboa, 11 mar (Lusa) - O presidente do Tribunal de Contas Europeu, Vítor Caldeira, afirmou hoje na Assembleia da República que a instituição que lidera deverá passar a auditar o mecanismo único de resolução de bancos, um dos três pilares da união bancária.

"O Tribunal de Contas Europeu passa a ser responsável por auditar também o mecanismo único de resolução bancária e deverá ser o auditor, não só da autoridade que vai gerir o fundo [do mecanismo único de resolução bancária], mas também da forma como o fundo é gerido e utilizado. Este é um dos pontos de polémica", afirmou Vítor Caldeira.

Em declarações à Lusa, à margem da comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Administração Pública, onde foi hoje ouvido, Vítor Caldeira explicou que o regulamento, que está a ser negociado entre o Parlamento Europeu e o Conselho, "tem previsto que o Tribunal de Contas Europeu tenha a responsabilidade de auditoria relativamente ao mecanismo único de resolução bancária e à autoridade gestora".

  • Saiba como pode ficar a pagar menos IMI
    7:11