Cultura

Filme de Jorge Pelicano vence Grande Prémio do Festival Caminhos de Coimbra

O documentário "Para-me de repente o pensamento", do realizador e repórter de imagem Jorge Pelicano, venceu o Grande Prémio do Festival Caminhos do Cinema Português, de Coimbra, informou a organização. 

Jorge Pelicano, realizador do documentário “Para-me de repente o pensamento”

Jorge Pelicano, realizador do documentário “Para-me de repente o pensamento”

Sofia Mussolin/ Festival Caminhos

O filme foi realizado num centro hospitalar psiquiátrico do Porto, onde Jorge Pelicano documentou o dia-a-dia dos pacientes e da sua interação com o ator Miguel Borges, tendo estado em exibição a 16 de novembro no Festival Caminhos, que decorreu entre 14 e 22 de novembro, no Teatro Académico Gil Vicente.

 

O realizador vai receber o galardão às 22:00, na cerimónia de entrega de prémios, no Teatro Académico Gil Vicente, onde vai também ser galardoado com o prémio de melhor realizador.

 

O prémio Curta-Metragem Turismo do Centro foi para a película de Luís Vieira Campos, "Bicicleta", e o realizador João Canijo recebeu o prémio Longa-Metragem Caves Vale do Rodo, referiu a organização em comunicado enviado à agência Lusa.

 

"E agora? Lembra-me", de Joaquim Pinto, ganhou o galardão de Melhor Documentário, "Coro dos Amantes", de Tiago Guedes, o prémio Imprensa e "Coveiro", de André Gil Mata, de Melhor Animação.

 

O jovem realizador Adriano Mendes, 26 anos, foi distinguido com o prémio Revelação, com a película "O Primeiro Verão", produzida em 2014.

 

Segundo o comunicado da organização, o júri do Caminhos decidiu atribuir a Nuno Pardal o galardão de Melhor Ator pela sua representação em "Éden", e Isabel Abreu conquistou a distinção de Melhor Atriz com "Coro dos Amantes".

 

Na categoria de Ensaios - secção competitiva destinada a alunos do ensino secundário e superior -, o estudante da Escola Superior de Teatro e Cinema, de Lisboa, Diogo Baldaia, venceu o prémio de melhor filme com "Fúria".

 

O prémio do Público será apenas divulgado na cerimónia de entrega dos galardões.

 

A 20.ª edição do festival Caminhos do Cinema Português apresentou a concurso 63 filmes, de curtas e longas-metragens a documentários e animações.

 

Apesar da crise, o festival não encontrou uma "diminuição de produção", tendo-se registado 381 inscrições de filmes a concurso na Seleção Caminhos, contou Vitor Ferreira, diretor do festival, acrescentando que foram inscritos cerca de 80 filmes na Seleção Ensaios - secção destinada a películas produzidas em contexto académico.

 

Lusa

  • "Acabámos com 6 jogadores da formação na equipa"
    1:27

    Desporto

    No final do jogo, João Manuel Pinto, treinador do Sertanense, mostrou-se orgulhoso com o trabalho da equipa, que joga no terceiro escalão do futebol português. Já Rui Vitória preferiu destacar a qualidade dos jogadores do Benfica que, apesar de serem menos utilizados neste inicio de época, estiveram em evidência.

  • "Pedro Proença quer que eu saia a todo o custo"
    3:00
  • Chuvas fortes afetam várias regiões em Espanha

    Mundo

    As chuvas fortes que afetam desde quinta-feira Espanha, as mais intensas da última década, estão a provocar problemas em várias regiões, em especial nas províncias da Comunidade Valenciana, mas sem registo de ocorrências graves nem danos pessoais.

  • Sextortion, o novo método de chantagem sexual na Internet
    2:17
  • Destruído mural de Vhils em Alcântara

    Cultura

    O mural, criado por Vhils, na parede da antiga fabrica da Sidul na Avenida da Índias, em Lisboa, foi esta quinta-feira destruído para dar lugar a um empreendimento urbanístico.