Desporto

Antero Henrique quer Jorge Jesus em Paris

"Para mim, um treinador não tem passado nem futuro, só tem passado." - 02-01-2014

© Christian Hartmann / Reuters

Jorge Jesus está na lista que Antero Henrique leva para França, onde nas próximas horas vai ser formalizado como diretor desportivo do Paris Saint-Germain.

O antigo dirigente do FC Porto prepara-se para integrar o PSG e pode levar Jorge Jesus de Alvalade. A SIC sabe que o treinador português integra uma pequena lista de possíveis treinadores para a próxima temporada.

O PSG ainda discute este sábado a final da Taça de França. Só depois deve ser oficializada a saída de Unay Emery.

Antero Henrique deve ser pouco depois oficializado como o novo diretor desportivo do clube, que falhou esta época o título francês para o Mónaco, após quatro anos consecutivos a vencer.

Jorge Jesus tem mais dois anos de contrato com o Sporting e a saída obrigaria o PSG a pagar cerca de 15 milhões de euros aos leões. Para já, não chegou a Alvalade qualquer proposta para a saída do técnico.

  • Diretor do Museu Serralves demite-se

    Cultura

    O diretor artístico do Museu de Arte Contemporânea de Serralves, João Ribas, apresentou esta sexta-feira o pedido de demissão à administração da Fundação Serralves.

  • Filho de José Eduardo dos Santos vai a tribunal pelo "caso dos 500 milhões"
    1:44

    Mundo

    O filho do ex-Presidente angolano José Filomeno dos Santos e o ex-governador do Banco Nacional de Angola Valter Filipe enfrentam a acusação do Ministério Público, no chamado "caso dos 500 milhões", que os acusa de alegada associação criminosa, fraude e branqueamento de capitais. Em Luanda, a Procuradoria-Geral da República confirmou o envio do processo para tribunal.

  • Personalidades do futebol dizem que Ronaldo foi vítima de excesso de zelo
    2:03

    Desporto

    A UEFA vai anunciar o castigo de Cristiano Ronaldo na próxima quinta-feira, depois do cartão vermelho que o internacional português recebeu no jogo da Liga dos Campeões. O castigo pode ir de um a três jogos de suspensão. Várias personalidades do mundo do futebol acreditam que o jogador foi vítima do excesso de zelo do árbitro.

  • PGR de Angola confirma detenção de antigo ministro

    Mundo

    A Procuradoria-Geral da República (PGR) de Angola confirmou esta sexta-feira a detenção do antigo ministro dos Transportes angolano, Augusto Tomás, indiciado pela prática dos crimes de peculato, corrupção, branqueamento de capitais, entre outros puníveis pelo Código Penal.