Desporto

França vence Inglaterra em jogo de homenagem às vítimas de Manchester e Londres

Lee Smith

A seleção francesa, vice-campeã europeia, venceu esta terça-feira a congénere inglesa por 3-2, no Stade de France, num jogo que serviu de homenagem às vítimas dos recentes atentados terroristas de Manchester e Londres.

Os adeptos franceses e ingleses uniram-se para cantar, em uníssono, o tema dos Oasis 'Don't look back in anger', em homenagem às vítimas dos recentes atentados.

A França venceu a partida, mas a Inglaterra foi a primeira a marcar, aos nove minutos, por Harry Kane, o melhor marcador da 'Premier League' da última temporada.

A França reagiu e conseguiu a reviravolta antes do intervalo, com o central do FC Barcelona Samuel Umtiti a empatar, aos 22 minutos, e o lateral direito Djibril Sidibé a colocar os franceses na frente do marcador, aos 43.

O segundo tempo começou praticamente com o segundo golo da Inglaterra, que obrigou o árbitro a recorrer ao vídeo-árbitro para assinalar grande penalidade a favor dos ingleses e a expulsar Varane.

Harry Kane igualou o marcador, mas a França, mesmo reduzida a dez elementos, chegou ao triunfo por intermédio de Ousmane Dembelé, a dez minutos do apito final.

Noutros jogos particulares hoje realizados, a seleção dos Camarões foi goleada por 4-0 pela Colômbia, enquanto a Roménia recebeu e venceu o Chile por 3-2 e a Suécia, sem o central benfiquista Lindelof, recentemente transferido para o Manchester United, que não saiu do 'banco', empatou a um golo na Noruega.

O Brasil goleou hoje a Austrália por 4-0, a Indonésia e Porto Rico não foram além de um nulo e a África do Sul perdeu por 2-1 na receção à Zâmbia.

Lusa

  • Ryanair acusada de compactuar com atitude racista de passageiro
    1:36

    Mundo

    Numa nova polémica a envolver a Ryanair, a companhia aérea low cost é acusada de compactuar com uma atitude racista, depois de um passageiro ter obrigado um comissário de bordo a mudar uma mulher negra de lugar. O caso já está a ser investigado pelas autoridades.

  • Maior ponte marítima do mundo reduz para 45 minutos uma viagem de 4 horas
    0:56
  • Uma semana depois da tempestade Leslie
    3:02
  • Adoções por militares dos EUA eram vistas na Terceira como uma bênção para as crianças
    5:16
  • Acordo histórico entre EUA e Rússia comprometido
    1:32