Desporto

Bruno de Carvalho apela aos sportinguistas para não responderem à violência

MANUEL DE ALMEIDA / LUSA

Bruno de Carvalho apelou hoje para que o os adeptos do Sporting não respondam com violência ao incitamento de outros, no dérbi de quarta-feira frente ao Benfica, no estádio da Luz, da 16ª jornada da Liga de futebol.

"Não vamos responder ao incitamento à violência, que outros fizeram, com violência. Vamos responder com apoio, constante, durante os 90 minutos. Vamos mostrar porque razão somos os melhores adeptos do mundo", escreveu o presidente do Sporting na rede social Facebook.

Na mesma mensagem aos sócios, Bruno de Carvalho considera que o Sporting não precisa que os seus adeptos "usem as suas mãos para fazer justiça", mas apenas do "apoio constante destes, de união e coesão, contra tudo e todos os que querem fazer mal ao clube".

Bruno de Carvalho promete "atitude e compromisso" em todas as modalidades, "lutar pela transparência e pela verdade desportiva", e considera que os sportinguistas "são diferentes porque têm princípios e valores e querem ganhar dentro das quatro linhas".

Lusa

  • Ryanair acusada de compactuar com atitude racista de passageiro
    1:36

    Mundo

    Numa nova polémica a envolver a Ryanair, a companhia aérea low cost é acusada de compactuar com uma atitude racista, depois de um passageiro ter obrigado um comissário de bordo a mudar uma mulher negra de lugar. O caso já está a ser investigado pelas autoridades.

  • Maior ponte marítima do mundo reduz para 45 minutos uma viagem de 4 horas
    0:56
  • Uma semana depois da tempestade Leslie
    3:02
  • Adoções por militares dos EUA eram vistas na Terceira como uma bênção para as crianças
    5:16
  • Acordo histórico entre EUA e Rússia comprometido
    1:32