Desporto

Surfista portuguesa de 20 anos morre intoxicada nos Açores

Facebook Federação Portuguesa de Surf

A surfista portuguesa Tânia Oliveira, de 20 anos, morreu na segunda-feira, em Ponta Delgada, nos Açores, intoxicada com monóxido de carbono.

As circunstâncias da morte da jovem atleta açoriana não são conhecidas em detalhe. A Polícia Judiciária já está a investigar o caso.

A Federação Portuguesa de Surf reagiu através do Facebook, onde manifestou solidariedade com a família e amigos da jovem surfista:

Tânia Oliveira sagrou-se vice-campeã nacional de surf em 2015. No ano seguinte, recebeu um convite para participar no Azores Airlines Pro e, no último ano, foi 20.ª classificada na Liga Meo Surf.

  • Ryanair acusada de compactuar com atitude racista de passageiro
    1:36

    Mundo

    Numa nova polémica a envolver a Ryanair, a companhia aérea low cost é acusada de compactuar com uma atitude racista, depois de um passageiro ter obrigado um comissário de bordo a mudar uma mulher negra de lugar. O caso já está a ser investigado pelas autoridades.

  • Barco com refugiados afunda a poucos metros da costa da Turquia
    2:21
  • Maior ponte marítima do mundo reduz para 45 minutos uma viagem de 4 horas
    0:56
  • Uma semana depois da tempestade Leslie
    3:02
  • Adoções por militares dos EUA eram vistas na Terceira como uma bênção para as crianças
    5:16
  • Acordo histórico entre EUA e Rússia comprometido
    1:32