Desporto

Pai diz que futuro de Neymar passa pelo PSG

Stephane Mahe

O pai do internacional brasileiro Neymar assegurou esta terça-feira que o futuro do filho passa pelo Paris Saint-Germain (PSG), apesar dos rumores que apontam para a saída do futebolista, a recuperar no Brasil de uma cirurgia ao pé direito.

"O futuro de Neymar está no PSG e o presente também", disse o pai de Neymar durante uma conferência de imprensa realizada no decorrer de uma visita à Fundação criada pela sua família em Praia Grande, perto de São Paulo, na companhia do presidente do clube parisiense, Nasser Al-Khelaifi.

O dono do PSG afirmou que Neymar está "feliz, motivado e entusiasmado" para regressar o mais rápido possível à competição após uma visita que fez à moradia luxuosa do jogador em Mangaratiba, uma estação balnear a cem quilómetros do Rio de Janeiro.

"Ele está a fazer todos os possíveis para regressar mais cedo do que o previsto e esperamos que possa ainda jogar pelo PSG em jogos do campeonato e da Taça desta época", afirmou Al-Khelaifi uma altura em que têm aumentado os rumores que dão a saída de Neymar como um dado adquirido após a eliminação frente ao Real Madrid, nos oitavos de final da Liga dos Campeões.

O jogador mais caro da história do futebol, cujo passe custou 222 milhões de euros ao PSG, lesionou-se em 25 de fevereiro no jogo frente ao Marselha, da Liga francesa, não tendo podido participar na partida da segunda mão, disputada em 06 de março, dos oitavos de final da Liga dos Campeões frente ao Real Madrid (derrota por 2-1), no Parque dos Príncipes.

No início de março foi operado ao quinto metatarso do pé direito, no Brasil, e o médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, estimou uma paragem competitiva entre dois meses e meio e três meses.

Lusa

  • Diretor artístico demite-se do Museu de Serralves
    2:44

    Cultura

    Estão ainda por esclarecer as razões da demissão do diretor artístico do Museu de Serralves. João Ribas apresentou a demissão esta sexta-feira, um dia depois da inauguração da exposição do fotógrafo Robert Mapplethorp. A demissão foi associada a restrições a algumas imagens de cariz sexual explícito. Mas a Fundação de Serralves garante que foi o próprio João Ribas quem decidiu retirar duas obras da exposição. E sublinha que estava decidido desde o início apresentar as obras de cariz sexual explícito numa zona com acesso restrito.

  • Personalidades do futebol dizem que Ronaldo foi vítima de excesso de zelo
    2:03

    Desporto

    A UEFA vai anunciar o castigo de Cristiano Ronaldo na próxima quinta-feira, depois do cartão vermelho que o internacional português recebeu no jogo da Liga dos Campeões. O castigo pode ir de um a três jogos de suspensão. Várias personalidades do mundo do futebol acreditam que o jogador foi vítima do excesso de zelo do árbitro.