Desporto

Treinador Villas-Boas participa no Campeonato Nacional de todo o terreno

AI Project

O treinador de futebol André Villas-Boas vai participar na sua segunda prova de automobilismo, competindo na Baja TT do Pinhal depois de ter participado no Dakar.

Ao volante de um Can-Am Maverick X3, na categoria SVV (buggy), e com Gonçalo Magalhães como navegador, Villas-Boas aproveita a anunciada pausa na carreira de treinador até ao verão para participar na primeira prova do Campeonato Nacional de todo o terreno.

O antigo treinador do FC Porto esteve no Dakar aos comandos de uma Toyota Hilux, com Ruben Faria como co-piloto, que agora será seu opositor.

Na prova sul-americana acabou por sofrer um acidente que o obrigou a desistir na quarta etapa. A Baja TT do Pinhal percorre os concelhos de Oleiros, Proença-a-Nova e Sertã e conta com 325 quilómetros cronometrados.

Depois de treinar o FC Porto, com o qual foi campeão e venceu a Liga Europa (2010/11), Villas-Boas, atualmente com 40 anos, prosseguiu a carreira nos ingleses do Chelsea e Tottenham, passando depois pelos russos do Zenit e pelos chineses do Shangai SIPG, optando por fazer uma pausa na carreira na presente época.

Lusa

  • André Villas-Boas abandona rali Dakar

    Desporto

    André Villas-Boas sofreu um acidente no rali Dakar e está fora da competição. O carro pilotado pelo português embateu numa duna, no deserto, na prova desta terça-feira no Perú. Villas-Boas sofreu uma lesão nas costas e teve de ser transportado de helicóptero para o hospital. No instagram, Villas Boas disse que está bem, e que já teve alta do hospital, mas confirmou a saída da prova onde partcipava pela primeira vez. O técnico português seguia no lugar 40 da competição. Tinha-se despedido do clube que treinava na China, para participar na edição 40 do rally Dakar... um sonho antigo de Villas-Boas.

  • Piloto que morreu no Estoril terá ficado sem travões
    1:17
  • O embaraço do príncipe Harry
    0:29