Economia

António Costa admite que há falta de emprego qualificado e doutorados

António Costa admite que há falta de emprego qualificado e doutorados

Tal como a OCDE, também o primeiro-ministro reconhece que Portugal precisa de ter mais emprego qualificado. Numa confêrencia em Lisboa, António Costa insistiu hoje na criação de um orçamento comum na zona euro que permita dar resposta a este tipo de problemas nos países mais atrasados.

  • Pedro Queiroz Pereira terá caído das escadas de iate
    2:31
  • Terminadas buscas nos escombros da ponte Morandi
    1:20