Economia

Tripulantes da Ryanair fazem greve na Europa a 25 e 26 de julho

Ralph Orlowski

Os tripulantes de cabine da transportadora aérea Ryanair vão fazer uma greve europeia nos próximos dias 25 e 26 de julho. Portugal será afetado pela paralisação, cujo objetivo é reivindicar, mais uma vez, a aplicação das leis nacionais onde a companhia opera e não das leis irlandesas, onde a empresa está sediada.

Última atualização às 12:42

A decisão, confirmada à Lusa pela a presidente do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC), foi tomada numa reunião, em Bruxelas, entre vários sindicatos europeus.

Os trabalhadores da Ryanair pedem também melhores condições de trabalho e uma revisão salarial.

Portugal será afetado pela greve, juntamente com Espanha, Itália e Bélgica.

Já em abril, os sindicatos tinham alertado que era necessário que a companhia efetuasse mudanças na política de empresa, que não vieram a concretizar-se.

Com Lusa

  • Piloto que morreu no Estoril terá ficado sem travões
    1:17
  • Empresa de segurança sob suspeita na Guarda
    4:47
  • Uma rota pelos vinhos do Douro
    4:32

    País

    O tempo de vindimas é também sinónimo de época alta para o turismo no Douro. A oferta de experiências ligadas à vinha e ao vinho é cada vez maior e já existe um roteiro que ajuda os turistas a organizarem melhor as visitas às quintas da região.

  • O embaraço do príncipe Harry
    0:29