São três os secretários de Estado envolvidos na polémica das viagens pagas pela Galp para ver jogos da seleção no Euro 2016